Três policiais militares envolvidos em caso de ex-deputado Wallace Souza, acusado de encomendar mortes para exigir no extinto programa de TV Canal Livre, serão afastados dos cargos que ocupam na Polícia Militar. A determinação é da juíza Rosália Guimarães Sarmento, titular da 2ª Vara Especializada em Crimes de Uso e Tráfico de Entorpecentes (Vecute).

Allan Rego da Mata, Eliseu de Souza Gomes e Luiz Maia de Oliveira, mesmo apóscar 10 anos que o caso veio a tona, continuavam a exercer suas funções na corporação. Eles foram condenados por associação ao tráfico de drogas no chamado “Caso Wallace.

Na mesma ação também foram condenados os políticos Fausto de Souza Neto e Carlos Alberto Cavalcante de Souza, irmãos de Wallace Souza. Ambos pegaram 15 anos de prisão em regime fechado.