Polícia Civil encerra ações no Réveillon em clima de tranquilidade

Cerca de 300 servidores da Polícia Civil do Amazonas, entre Delegados, Investigadores, Escrivães e integrantes do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (FERA), além do Grupo de Operações Aéreas (GOA), sob a coordenação do Diretor de Polícia Metropolitana, Delegado Emerson Negreiros, atuaram nas festas de réveillon que aconteceram, simultaneamente, no Complexo Turístico da Ponta Negra, na Zona Oeste, avenida Itaúba, na Zona Leste e orla do Amarelinho, no bairro Educandos, Zona Sul da capital.

O Diretor de Polícia Metropolitana destacou as ações de segurança desse ano como satisfatórias, visto que os registros de ocorrências durante os festejos de Ano Novo foram consideravelmente menores em relação ao Natal. “Nós tivemos um Natal um pouco agitado e por conta disso nós nos preparamos ainda mais para que no Ano Novo pudéssemos suprir todas as necessidades da população que fossem relacionadas à segurança. Felizmente, a grande movimentação de pessoas não culminou em violência e não tivemos nenhum registro de grande porte até o final dos plantões, confirmando resultados positivos para a segurança pública frente ao planejamento estratégico e operacional da Polícia Civil”, destacou Emerson Negreiros.

Para o Delegado de Polícia Virgílio Mendonça, do Centro Integrado de Comando e Controle Local (CICC-L), montado na Ponta Negra, a virada de ano foi uma experiência bem sucedida. “Um evento como esse que reúne mais de 100 mil pessoas é sempre um desafio quando se trata da segurança de todas elas. Um réveillon fechado sem muitas surpresas e sem nenhum homicídio registrado já é motivo para comemorar a chegada do novo ano com êxito”, ressaltou.

Conforme a Delegada Graça Medeiros, do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), onde funcionou uma base do Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICC-R), situado na avenida André Araújo, a movimentação de pessoas no Complexo da Ponta Negra, avenida Itaúba, e na orla do Amarelinho, foi totalmente monitorada pelas câmeras do órgão, o que colaborou para as festividades acontecerem sem registros de violência.

“O Ciops dispõe de câmeras de alta resolução que captaram imagens de diversas áreas da cidade em um ângulo de até 360 graus e puderam alcançar grandes distâncias sem perda da qualidade. Cerca de 3,6 mil quilômetros de fibra óptica interligam as câmeras e transmitem as imagens em tempo real. Quando os monitoradores identificam qualquer infração, acionam o coordenador local para as providências cabíveis. Felizmente essa passagem de ano foi tranquila e mantivemos a ordem”, explicou a Delegada Graça.

O helicóptero da PC-AM, “Fênix 01”, também esteve à disposição para atender as ocorrências e garantir a segurança na cidade. A aeronave foi uma das conquistas que a PC trouxe à população no ano de 2014 com o intuito de expandir a ação da polícia Judiciária na capital e atender todo o Estado. “Pela primeira vez, nós também levamos segurança pelo ar à população e o desafio de cobrir um evento como esse só foi possível pelo trabalho integrado de todos os outros profissionais em suas bases. Essa missão continua a ser cumprida com rigor e confiança acima de tudo em 2015”, declarou o comandante do Fênix 01, Delegado Sinval Souza.