IMG_7904A Polícia Civil do Amazonas por meio da equipe de investigação do 4° Distrito Integrado de Polícia (DIP) realizou na manhã desta sexta-feira, 6, a prisão de dois homens apontados por envolvimento com o tráfico de drogas em Manaus. Andreilson Fernandes Santos, 22, e Jean Coelho do Carmo, 25 foram detidos, por volta de 12h, na zona Leste da cidade, vendendo drogas em via pública.

A ação aconteceu na Rua Beco Barreto, no bairro Grande Vitória, após policiais civis receberem denúncias anônimas sobre a atuação da dupla no local. De acordo com o responsável pela prisão, delegado titular do 4° DIP, Raphael Fernandes, a polícia monitorou os suspeitos por pelo menos uma semana antes de detê-los.

“O que mais nos chamou a atenção neste caso, foi a audácia destes traficantes em vender drogas à luz do dia, sem nenhum tipo de restrição à polícia. Os homens comercializavam os entorpecentes para qualquer um que já soubesse do esquema. Eles abordavam a pessoa na calçada e toda a droga ficava na mão deles, dentro de uma sacola de plástico.”, informou a autoridade policial.

Em posse da dupla, os investigadores encontraram 35 trouxinhas de maconha além de uma grande porção que ainda seria embalada para o comércio, 27 saquinhos de cocaína, 174 papelotes de pasta base de cocaína, e duas armas de fogo calibre 38 com 12 munições intactas. As armas – uma de cano longo e outra de cano curto – estavam com as respectivas numerações raspadas.

Além das drogas, a equipe apreendeu com os criminosos, um aparelho celular, material para embalo das substâncias e uma quantia em dinheiro de pouco mais de R$ 30,00, que seria o lucro das vendas.

Andreilson Santos e Jean do Carmo foram autuados pelos crimes de tráfico de drogas (Artigo 33 da Lei n. 11.343/06) e posse ilegal de arma de fogo de uso restrito (Artigo 14 da Lei 10.826 do Estatuto De Desarmamento) e após a realização dos procedimentos cabíveis, deverão ser encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde ficarão à disposição da Justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here