A equipe de investigação da Polícia Civil, lotada no 13º Distrito Integrado de Polícia (DIP), realizou, na tarde de ontem, 3, a prisão em flagrante de três homens envolvidos com o tráfico de drogas na zona Norte da capital. Na ação, dois adolescentes de 17 anos também foram apreendidos.

Ernesto de Souza Santos, o “Tinho”, 31, Marcelo Souza Silva, 33 e Maciel Rodrigues de Oliveira, 31, foram presos em uma casa de propriedade de Ernesto, que fica localizada na rua São Bernardo, bairro Cidade de Deus.

As prisões, efetuadas após quase um mês de investigações, foram coordenadas pela delegada titular Marna Barbosa. A partir de uma denúncia via 181, a autoridade policial foi informada que dois homens, parecidos com Ernesto e Marcelo, estavam comercializando drogas na área. As informações foram apuradas e constatou-se que eram verídicas.

A delegada representou à justiça um mandando de busca e apreensão, que foi expedido pela juíza Rose Cruz Hoaegen, da 4ª Vara Criminal, e cumprido de imediato pelos investigadores do distrito policial.

Ao chegar ao local, a equipe encontrou, além de drogas, um sistema de monitoramento por meio do qual o trio vigiava a movimentação na Rua São Bernardo.

“No imóvel de Ernesto, encontramos um VDR, que é um aparelho utilizado para receptação de imagens das câmeras que eles instalaram na rua. Através deste sistema, eles monitoravam a movimentação dos moradores, dos comparsas e até da polícia que patrulhava a área”, explicou Barbosa.

O sistema de vigilância foi apreendido, assim como 14 trouxinhas e uma porção média de substância com aparência de maconha, duas porções grandes com característica de cocaína e R$ 28 reais em moedas. Ainda na residência de Ernesto, foram apreendidos dois adolescentes que estariam trabalhando para os suspeitos.

Na delegacia, Ernesto, Marcelo e Maciel foram autuados por tráfico de drogas (Artigo 33 da Lei n. 11.343/06), associação para o tráfico (Artigo 35 da Lei 11.343/06) e corrupção de menor (artigo 218 do Código Penal Brasileiro). Após os procedimentos, o trio foi encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, e os adolescentes encaminhados à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (DEAAI).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here