homicidaA Polícia Civil do Amazonas, por meio da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) prendeu por homicídio qualificado, Washington Rodrigues de Barros, 18. Ele é apontado como autor do crime praticado contra Erison Austin Dias, 19, conhecido como “Foguinho”.
De acordo com o delegado titular da DEHS, Ivo Martins, antes de ser conduzido à especializada, o homem havia sido flagranteado pelos policiais do 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), por porte ilegal de arma de fogo, na Rua Ipê Amarelo, bairro Amazonino Mendes, zona Leste da capital.

Ao pesquisarem informações sobre Washington, os servidores do 6º DIP descobriram que o rapaz estaria envolvido no homicídio de Erison. O crime ocorreu no dia 21 de fevereiro de 2014, às 17h, na Rua Agrestina, bairro Grande Vitória, zona Leste de Manaus.

Após o registro do flagrante no DIP, as informações sobre a suposta participação do jovem no crime foram repassadas aos investigadores da DEHS. Segundo a autoridade policial, Washington conhecia a vítima há um ano e teria ameaçado Erison, após descobrir que o rapaz estava tendo um envolvimento amoroso com a namorada dele.

“No dia do homicídio, ele avistou a vítima armada com uma faca, em um campo de futebol, no bairro Grande Vitória. O homem retornou à residência dele, pegou um revólver calibre 38, que ele disse ter comprado na Feira da Panair, bairro Educandos, e voltou ao campo. No local, ele efetuou quatro disparos contra a vítima”, concluiu Ivo Martins.

Washingtonaz foi indiciado por homicídio qualificado, previsto no Artigo 121 do Código Penal Brasileiro. Após o término dos procedimentos cabíveis, ele foi encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde ficará à disposição da Justiça.