Take a fresh look at your lifestyle.

POLÍTICA: Parlamentares protocolam novo pedido para criação da CPI da UNE na Câmara

-publicidade-

Um grupo de parlamentares, liderados pelo deputado pastor Marco Feliciano, do PSC, de São Paulo, decidiu protocolar, nesta quarta-feira (26), um novo pedido para a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito, uma CPI, para investigar a União Nacional dos Estudantes, a UNE. A iniciativa que já conta com a assinatura de mais de 200 deputados, sendo 182 autentificadas, tem o apoio do PSDB e do DEM, partido do presidente da Câmara Rodrigo Maia.

De acordo com o Deputado Marco Feliciano o pedido abertura de CPI contra a UNE é embasado em reportagens que apontam suspeitas sobre convênios firmados pela instituição com o governo federal entre os anos de 2011 e 2014. De acordo com o parlamentar, o Congresso Nacional liberou uma verba de R$ 44,6 milhões à entidade para a construção de uma sede no Rio de Janeiro. No entanto, segundo Feliciano, dois anos após os repasses serem feitos, a obra ainda não foi finalizada e a UNE tem a posse de apenas duas salas do prédio.

Uma Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar a UNE chegou a ser criada em maio, deste ano, pelo ex-presidente da câmara, Eduardo Cunha, do PMDB, do Rio de Janeiro. Mas, em julho, o vice-presidente da casa deputado Waldir Maranhão, do PP maranhense anulou a criação do colegiado, enquanto presidia a câmara após o afastamento de Cunha.

Reportagem, João Paulo Machado

-publicidade-