Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

População em situação de rua é tema de oficina

O Instituto de Assistência à Criança e ao Adolescente Santo Antônio (Iacas), realizou na manhã desta sexta-feira, dia 13, oficina voltada para instituições que tratam de pessoas em situação de rua, no auditório da Livraria Paulus, localizada na av. Epaminondas, nº 21, Centro. A oficina abordou o tema “População em Situação de Rua: direitos, tráfico humano e exploração sexual”.

A Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh) foi uma das convidadas a palestrar no evento e apresentou o trabalho desenvolvido no Centro POP, localizado no bairro Presidente Vargas, também no Centro.

O espaço é destinado a atender demandas da população em situação de rua, oferecendo orientação individual e grupal, além de encaminhamento a outros serviços socioassistenciais. Higienização e alimentação também são oferecidos aos usuários. Atualmente são mais de 1,3 mil pessoas cadastradas.

O Iacas é uma instituição que tem por missão apoiar na mobilização e articulação das redes, movimentos, organizações e sociedade civil para efetivação dos direitos humanos.

O objetivo do Projeto Abordando com Cidadania, firmado em parceria com a Secretaria do Estado de Assistência Social (Seas) em 2015, iniciou suas abordagens com o objetivo de sensibilizar crianças, adolescentes, jovens e adultos, em especial com demanda de exploração sexual que se encontra em situação de rua.

As ações são direcionadas na identificação dos sujeitos em situação de rua, como a natureza das violações sofridas, as condições em que vivem, estratégias de sobrevivência, procedências, aspirações, os desejos e as relações com as instituições, além de promover ações de sensibilização para divulgação de direitos e inclusão dos mesmos por meio de parcerias e encaminhamentos para a rede socioassistencial.

-publicidade-