Take a fresh look at your lifestyle.

População faz pressão e demite ex-vereadores que foram lotados em secretarias municipais

-publicidade-

Após grande pressão popular, o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante) anunciou que vai tornar sem efeito nomeações polêmicas de ex-vereadores, que não foram reeleitos, para a compor a cúpula da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).

Os políticos derrotados que vão perder o cargo são: Elias Emanuel (PSDB), que deferia coordenar o Departamento de Grandes Eventos; Reizo Castelo Branco (PTB), que atuaria como Diretor do Departamento de Difusão Cultural; André Luiz (PL) como assessor técnico III, e de Carlos Portta (PSB), que iria comandar o Café Teatro.

A decisão foi anunciada durante entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira (21).

Em protesto pelas nomeações, artistas e profissionais que atuam área, as nomeações. Uma das frase usadas foi: “cultura não é cabide”. Por conta grande repercussão negativa, David Almeida recuou.

 

 

-publicidade-