Take a fresh look at your lifestyle.

Práticas de jiu-jitsu e capoeira marcam dia de ação com crianças de abrigos

-publicidade-

O segundo dia da ação Todo dia é dia de Criança reuniu, no Clube Aníbal de Jiu-jitsu, instalado no Clube Municipal, mais de 50 crianças e adolescentes dos abrigos O Pequeno Nazareno, Serviço de Acolhimento Institucional de Crianças e Adolescentes (Saica) e Moacyr Alves (AMA). Os meninos e meninas aprenderam sobre essa arte marcial da qual puderam praticar alguns movimentos e também fizeram a prática da capoeira, levada pelo Grupo Legionários.

Promovida pela Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM), a ação cumpriu seus objetivos de proporcionar às crianças atividades de lazer fora do ambiente dos abrigos, destacou a defensora pública Flávia Lopes, coordenadora da Defensoria de Projetos Especiais da DPE.

Membro do Clube Aníbal de Jiu-Jitsu, cujo proprietário e professor é Fábio Aníbal, faixa preta em quinto grau, medalhista internacional, o defensor público Péricles Duarte de Souza Júnior, juntamente com os colegas, saudou as crianças explicando as características principais da arte marcial. Em seguida, as crianças e adolescentes iniciaram a prática de alguns movimentos mais básicos.

Alguns adolescentes do Abrigo Moacyr Alves já treinam jiu-jitsu e puderam trocar experiências e praticar alguns golpes básicos. “Eu gostei muito”, afirmou um dos adolescentes do Saica mais animados com o aprendizado.

Capoeira

Quando foi a vez do Grupo Legionários, de Capoeira, a participação das crianças e adolescentes também foi intensa. Para o professor Raimundo Batista, a oportunidade de levar a prática para crianças é importante e sempre que for possível, ele coloca o clube à disposição da DPE-AM.

-publicidade-