28.3 C
Manaus
quarta-feira, fevereiro 21, 2024

Prefeito lança Morar Melhor para 4 mil famílias e mais 4.680 habitações pelo Minha Casa, Minha Vida

Como parte dos projetos de habitação social na cidade, o prefeito de Manaus, David Almeida, lançou, nesta segunda-feira, 27/11, o programa “Morar Melhor”, que irá contemplar 4 mil famílias, além das 4.680 unidades habitacionais da prefeitura contratadas pelo Minha Casa, Minha Vida. A solenidade foi realizada no auditório Isabel Victoria de Mattos Pereira do Carmo Ribeiro, na sede da prefeitura, localizada no bairro Compensa, zona Oeste.

“A intervenção do senador Eduardo Braga tem sido fundamental para trazer investimentos para a cidade de Manaus. Essas moradias significam mais de 800 milhões de reais de investimentos aqui na cidade, na geração de emprego, na diminuição do déficit habitacional na cidade de Manaus e isso traz para a gente uma perspectiva muito boa. É o maior programa habitacional da história da Prefeitura de Manaus. Nós tivemos alguns programas habitacionais, porém nada se compara, em âmbito municipal, com esse programa que nós estamos lançando hoje”, disse o prefeito.

Coordenado por meio da Secretaria Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários (Semhaf), o programa “Morar Melhor” vai realizar melhorias em moradias de famílias de baixa renda que vivem em assentamentos urbanos informais. A meta é contemplar 1,2 mil residências, ainda este ano, nos bairros Colônia Antônio Aleixo, Puraquequara e São José, na zona Leste.

O programa segue em 2024 devendo beneficiar 4 mil famílias. Os serviços de melhoria incluem a reforma completa nas estruturas, como troca de piso, portas e janelas, reforma de banheiro, entre outras.

“O programa Morar Melhor é um programa que atua em áreas regulares ou que estão em processo de regularizações. Então, a secretaria identifica aquelas habitações precárias, faz o cadastro, pede autorização do morador, e depois será feita a intervenção com a reforma daquela moradia. Para este ano, teremos intervenção na Colônia Antônio Aleixo, no Puraquequara e também no São José, e para o próximo ano, estamos avaliando qual será a aplicação do Reurb”, explicou o titular da Semhaf, Jesus Alves.

Já os programas da prefeitura, para construção de empreendimentos habitacionais populares, foram aprovados pelo governo federal na semana passada e somam 4.680 unidades, sendo 3.680 que se enquadram na Faixa 1 do Programa Minha Casa, Minha Vida, com renda mensal de até dois salários mínimos (R$ 2.640), e mil moradias para as pessoas que moram em áreas de risco, que faz o programa de calamidades da Defesa Civil Nacional, como destacou o senador Eduardo Braga.

“Agora, em uma nova gestão, o programa renasce, e no primeiro ano do Minha Casa, Minha Vida, temos o maior programa da história da Prefeitura de Manaus. São 3.600 unidades dentro do Fundo de Arrendamento Residencial, o FAR, para pessoas mais humildes, e mil unidades para a área de calamidade, onde será possível socorrer aquelas famílias que moram nessas áreas de risco”, completou o senador.

Com recursos do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), as novas unidades habitacionais do Minha Casa, Minha Vida terão varanda, sala para biblioteca e estarão situadas em terrenos mais próximos dos centros urbanos.

— — —

Texto – Beathriz Torres / Semcom

Fotos – Dhyeizo Lemos e Antonio Pereira / Semcom

spot_img