Take a fresh look at your lifestyle.

Prefeitura cumpre mais um requisito do Pró-Gestão

-publicidade-

A Prefeitura de Manaus cumpriu mais um dos pré-requisitos rumo à certificação previdenciária do Pró-Gestão. A Manaus Previdência apresentou aos seus servidores e membros de conselhos que compõem a autarquia, o Código de Ética do órgão, atendendo a uma deliberação do Conselho Municipal de Previdência (CMP), em fevereiro, durante a primeira reunião ordinária. A apresentação aconteceu nesta terça-feira, 26/3.

“Nosso investimento nessa diretriz visa disciplinar, orientar e estimular novos comportamentos, fundamentados em um conceito de ética, voltado para a honestidade e qualidade no serviço público, como expusemos na nossa justificativa por ocasião da criação do documento”, explicou a diretora-presidente da Manaus Previdência, Daniela Benayon.

Este ano, o código passou por uma atualização e por meio das portarias nº 046 e 047, da Manaus Previdência, publicadas no Diário Oficial do Município (DOM), do dia 7/3, a norma foi divulgada, assim como definida a composição da Comissão de Ética, que tem como finalidade atuar e decidir sobre a matéria no âmbito da autarquia.

Coube à presidente da comissão, Bruna Machado, explanar aos membros dos conselhos Municipal de Previdência (CMP) e Fiscal (Cofis), além do Comitê de Investimentos (Cominv), os pormenores do código, assim como os membros da comissão. “Essa foi a primeira apresentação, mas no decorrer dos meses, realizaremos outras manifestações englobando mais servidores, segurados, fornecedores e contratados, pois a divulgação e promoção dessas diretrizes é uma das competências da comissão”, lembrou.

Também compõem a comissão os titulares Deborah Aubert e Caio Andrade. A suplência está a cargo dos servidores Matheus Canto, Thaís Abreu e Mário Pereira Júnior.

Sobre o Pró-Gestão

O Pró-Gestão é uma certificação institucional de Regime Próprio de Previdência Social que visa modernizar a gestão desses entes. Instituído pelo Governo Federal, recebeu a adesão da Manaus Previdência em abril do ano passado. Desde então, a autarquia vem trabalhando para atender às exigências da certificação e, com isso, conquistar o nível III do programa, patamar ainda não obtido por nenhum Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) do País. “Conquistar esse nível significará que a Manaus Previdência adota as melhores práticas de gestão previdenciária”, resumiu Benayon.

Texto: Marcia Cláudia Senna / Manaus Previdência

Fotos: Divulgação Manaus Previdência

-publicidade-