33.3 C
Manaus
quarta-feira, fevereiro 21, 2024

Prefeitura de Manaus coopera em ação da SSP e leva infraestrutura à comunidade Nossa Senhora de Fátima

 A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), atuou, na quarta-feira, 7/2, com os serviços de terraplanagem e pavimentação na rua Abel, localizada na comunidade Nossa Senhora de Fátima. A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) prestou o apoio com uma operação integrada no local, assegurando a salvaguarda durante a execução da obra.

“A infraestrutura está em tudo, inclusive na promoção da segurança e bem-estar nas comunidades. Na gestão do prefeito David Almeida e do secretário Renato Junior, temos buscado levar infraestrutura a todas as áreas. Por isso, temos equipes trabalhando com o recapeamento nas ruas da comunidade Nossa Senhora de Fátima, principalmente nas de difícil acesso, como a rua Abel, que é bastante íngreme. A intervenção visa melhorar a trafegabilidade e a locomoção dos moradores”, afirma o engenheiro e subsecretário de Serviços Básicos da Seminf, Efrain Aragão.

No trecho da obra, havia uma escada deteriorada, utilizada para chegar à via principal, mas apresentava riscos na estrutura. Além disso, forças de segurança do Estado alegaram dificuldades em acessar a área durante operações policiais. Como pronta-resposta aos pedidos de vigilância reforçada, a SSP solicitou suporte da Seminf para retirada da antiga escada e implantação de pavimento.

“Foi demandado, pelo nosso secretário de Segurança, uma operação integrada entre polícias Civil, Militar e Prefeitura de Manaus, para removermos uma escadaria que trazia prejuízos tanto para nós, agentes, quanto à comunidade. O prefeito David Almeida prontamente nos atendeu e disponibilizou a equipe com os maquinários para ser refeita essa rua com as obras de infraestrutura”, destacou o tenente-coronel Heber Ribeiro.

A equipe realizou o serviço de terraplanagem no local e, na sequência, foi feita a imprimação e a aplicação de aproximadamente 80 toneladas de massa asfáltica no trecho, que por décadas sofreu com a escassez de infraestrutura.

— — —

Texto – Rayana Coutinho/ Seminf

Fotos – Márcio Melo/ Seminf

spot_img