A Prefeitura de Manaus realizou nesta sexta-feira, 4/1, uma audiência pública para discutir a concessão da prestação de Serviço de Gestão Completa, Modernização e Execução do Sistema de Iluminação Pública (SIP) do município. Na ocasião, foi apresentado um balanço dos investimentos feito pela gestão do prefeito Arthur Virgílio Neto no setor e o estudo que propõe a substituição das luminárias em 100% LED, bem como a manutenção, expansão e modernização para os próximos 15 anos.

O encontro, organizado pela Secretaria Municipal de Parcerias e Projetos Estratégicos (Semppe), foi aberto ao público e aconteceu no auditório da Secretaria Municipal de Administração (Semad), localizada na rua São Luiz, nº 416, bairro Adrianópolis, zona Centro-Sul.

A ação foi realizada pela secretária da Semppe, Maria Josepha Chaves, presidida pelo presidente da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman), Fábio Alho, e acompanhada pelo coordenador da Unidade Gestora de Projetos Municipais de Abastecimento de Energia Elétrica (UGPM Energia), Luiz Augusto Carvalho, a subsecretária de Orçamento e Projetos da Semef, Karliley Capucho, a subprocuradora-chefe da Procuradoria Administrativa do município, Dinair Almeida dos Santos, e o ouvidor municipal, Rodrigo Guedes.

“Hoje, realizamos a audiência de forma transparente, para que a sociedade e as empresas interessadas na concessão dos serviços futuros de iluminação pública pudessem ouvir as propostas, conhecer o estudo realizado pela prefeitura, apresentar ideias e discutir amplamente com a sociedade a concessão da iluminação pública. A determinação do prefeito Arthur Neto é passar não apenas a gestão ao poder concedente do Parque de Iluminação da cidade de Manaus, mas também a modernização”.

Maria Josepha complementou que Manaus já é referenciada como a capital do LED em termos proporcionais. Em dezembro de 2018, o prefeito Arthur entregou o 50º milésimo ponto de iluminação, que corresponde a 40% do parque em LED, que não traz somente a claridade e o embelezamento, mas segurança, melhoramento das vias. O LED também está nas faixas de pedestres, praças, parques, passarelas.

O presidente da Ageman, Fábio Alho, destacou que o município está cumprindo uma exigência legal, dando transparência e publicidade para a nova concessão da iluminação pública na cidade de Manaus.

“Essa é uma determinação do poder concedente, na pessoa do prefeito Arthur Neto, que tem essa preocupação na melhoria da qualidade do serviço prestado à população, seja na iluminação pública como também no abastecimento de água, esgotamento sanitário, transporte, entre outros. Hoje, o mote é a iluminação pública moderna e de qualidade para a cidade de Manaus.”

Para o advogado Antônio Campos, representante de uma das empresas presentes, a realização da audiência pública foi esclarecedora, uma vez que apresentou um balanço das atividades desenvolvidas e fiscalizadas via UGPM Energia e Semppe.

Manaus possui mais de 127 mil pontos de iluminação pública, dos quais 50 mil são luminárias de LED instaladas. A lâmpada LED traz muitas vantagens, entre elas, mais luminosidade, durabilidade, melhor qualidade de luz, menor emissão de calor, além de ser menos prejudicial ao meio ambiente.

Texto: Auriane Carvalho/Semppe

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here