As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Prefeitura de Manaus recebe certificado de excelência em gestão e transparência

Mais uma vez a Prefeitura de Manaus recebe o reconhecimento pela excelência em gestão e transparência na administração pública, ficando em primeiro lugar no ranking realizado pelo Ministério Público de Contas do Amazonas (MPC-AM). A certificação dos três municípios com melhor pontuação foi realizada nesta quarta-feira, 19/6, no Centro de Convenções Vasco Vasques, e o prefeito Arthur Virgílio Neto recebeu o certificado das mãos do procurador-geral de Contas, do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), João Barroso. Na próxima semana, a Prefeitura de Manaus vai receber também o prêmio de melhor regime previdenciário, em Curitiba (PR).

“Esse é o resultado de um trabalho de seis anos, em favor da responsabilidade fiscal, da austeridade administrativa, do enfrentamento ao desperdício, em favor de se priorizar os investimentos. Receber essa homenagem, da Corte de Contas, pela austeridade ao gerir e pela transparência ao divulgar o que faz com o recurso público, é uma honra muito especial”, afirmou o prefeito Arthur Neto. “Eu agradeci ao doutor João Barroso com muito carinho e agradeço a todos os membros da Corte por essa honra”, destacou o prefeito.

Durante a solenidade, o prefeito ressaltou todo o esforço que foi feito no sentido de dar equilíbrio fiscal ao município de Manaus, o que já vem sendo reconhecido pelas instituições fiscais brasileiras e pelas instituições financeiras nacionais de internacionais, por sua capacidade de endividamento e capacidade de pagamento. “Hoje é uma realidade muito diferente do que encontramos há seis anos e poucos meses. Com dívidas enormes e a Previdência falida. Nós vamos entregar, em primeiro de janeiro de 2021, uma cidade superavitária e uma Previdência reconhecida nacionalmente como a melhor do país”, afirmou.

O prefeito anunciou que, logo após o feriado de Corpus Christis, vai anunciar um plano de contenção, com uma nova rodada de cortes para enxugar ainda mais os gastos. “A gente está indo de secretaria por secretaria, com apoio técnico, para identificar onde pode haver cortes de despesas”, explicou o prefeito.

Texto – Jacira Oliveira / Semcom

Foto – Alex Pazuello / Semcom

você pode gostar também