Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

Prefeitura de Manaus vai levar serviços socioassistenciais a comunidades ribeirinhas

Em reunião realizada nesta terça-feira, 4/5, na sede da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), foram traçadas estratégias para levar serviços socioassistenciais da Prefeitura de Manaus e parceiros, a moradores de comunidades ribeirinhas localizadas nos rios Negro e Amazonas. A primeira localidade a receber a ação de cidadania será a Agrovila, no Baixo Rio Negro, onde residem cerca de 130 famílias, no dia 21 de maio.

Serão disponibilizados serviços como Cadastro Único (CadÚnico), porta de acesso a programas socioassistenciais, como o Bolsa Família e Benefício de Prestação Continuada (BPC); emissão de documentação (carteira de identidade e certidão de nascimento); Carteira de Trabalho Digital; orientação jurídica, psicossocial, orientação às mulheres vítimas de violência, orientação sobre o Disque Denúncia, além da atuação dos Conselheiros Tutelares da zona rural.

“Nós realizamos visitas a várias comunidades ribeirinhas e detectamos que com a situação de pandemia, muitos moradores estão necessitando dos serviços socioassistenciais. É uma determinação do prefeito David Almeida que sejam garantidos os direitos e a cidadania de toda a população, com atenção especial aos moradores das zonas rurais e ribeirinhas, que moram distante da área urbana e precisam ser assistidos pelo Executivo municipal”, afirmou a subsecretária municipal de Políticas Afirmativas para as Mulheres e Direitos Humanos, Graça Prola.

A expectativa é de que as ações de cidadania em áreas ribeirinhas sejam realizadas, ao menos, uma vez ao mês.

Texto – Leonardo Fierro / Semasc

Foto – Divulgação / Semasc

-publicidade-