27.3 C
Manaus
sexta-feira, fevereiro 23, 2024

Prefeitura e CMS/Manaus promovem capacitação de conselheiros locais de 18 unidades de saúde da zona Sul

Os conselheiros locais de saúde da zona Sul de Manaus participaram nesta quinta-feira, 23/11, no auditório da Universidade Paulista (UNIP), bairro Parque 10 de Novembro, de uma capacitação sobre o controle social no Sistema Único de Saúde (SUS).

Promovida pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e do Conselho Municipal de Saúde (CMS/Manaus), a capacitação representou uma das etapas da programação da 17ª Semana do Controle Social, evento que acontece anualmente com o objetivo de fortalecer a participação social no SUS, além de promover a integração dos conselheiros locais de saúde.

Durante o evento, o presidente do CMS/Manaus, conselheiro Elson Melo, explicou que a Semana do Controle Social este ano foi realizada a partir da oferta da capacitação para os 663 conselheiros locais de saúde que atuam em 73 Conselhos Locais de Saúde (CLSs) distribuídos nas zonas Norte, Sul, Leste, Oeste e Rural.

“Em novembro, já foi realizada a capacitação dos conselheiros locais das zonas Leste, Rural e Norte, e a participação tem sido grande por parte dos três segmentos do controle social, com gestores, trabalhadores e usuários do SUS. O objetivo tem sido alcançado, que é qualificar a atuação dos conselheiros, abordando o papel de cada um, os objetivos dos CLSs e a importância do controle social para a melhoria dos serviços e do atendimento oferecido à população”, destacou Elson Melo.

Cada um dos 73 CLSs em Manaus atua na área de abrangência de uma Unidade Saúde da rede municipal. A zona Sul conta com 194 conselheiros, que integram 18 CLSs, atendendo 18 Unidades de Saúde, e que na capacitação receberam informações sobre: CMS/Manaus – Regimento Interno, Estrutura Organizacional e Fundamentação Legal; Controle Social em Saúde; Conselhos Locais de Saúde de Manaus; e Território do Distrito de Saúde.

“Essa capacitação é uma estratégia para qualificar os conselheiros, mas é importante que esse processo seja contínuo nos três anos de mandato, em que eles devem participar de conferências, debates, fóruns e rodas de conversa”, pontuou Elson Melo.

A técnica do Controle Social do Distrito de Saúde (Disa) Sul, assistente social Rosimary de Souza Lourenço, participou da discussão sobre o Controle Social em Saúde durante a capacitação e apontou que o processo de implantação dos Conselhos Locais foi iniciado em Manaus no ano de 2007, o que tem sido importante, porque representam mais um espaço para reflexão sobre como os serviços estão sendo oferecidos para a população.

“Os conselhos locais são espaços de discussão em que é preciso alinhar os interesses dos segmentos de gestores, trabalhadores e usuários do SUS em cada Unidade de Saúde, mas sempre com o objetivo de fortalecer o SUS e melhorar o atendimento à população”, afirmou Rosimary Lourenço.

A assistente social lembrou também que cada Distrito de Saúde (Norte, Sul, Leste, Oeste e Rural) conta com uma área técnica, composta por profissionais de saúde, que atua com o objetivo de estimular o Controle Social e ampliar a participação social na fiscalização, na apresentação de propostas e na colaboração para a ampliação do acesso da população aos serviços de saúde.

“A equipe de Controle Social no Disa Sul atua de forma a apoiar as ações do CMS/Manaus e dos Conselhos Locais, estimulando a participação social na gestão do SUS, apoiando os eventos para fortalecer o controle social, além de colaborar no diálogo entre a gestão e os conselheiros municipais e locais de saúde. Com a capacitação que está sendo realizada, temos a oportunidade de orientar os conselheiros sobre como a área técnica do Controle Social do Disa Sul pode ajudar na atuação de cada CLS”, explicou Rosimary.

Para a comerciante e conselheira municipal Francisca Merisce Souza, que representa os usuários da zona Centro-Sul de Manaus no CMS, a capacitação é um avanço para a atuação dos conselheiros locais que tomaram posse no mês de setembro para o mandato 2023-2026.

“Sou conselheira municipal há dois anos e antes fui conselheira local, mas ainda não tinha participado de uma capacitação. Sem uma capacitação, a pessoa vai fazendo o seu melhor para atender as demandas da comunidade, aprendendo no dia a dia. Os novos conselheiros terão mais facilidade a partir do que está sendo repassado na capacitação”, afirmou a conselheira.

A última etapa da 17ª Semana do Controle Social será realizada nesta sexta-feira, 24/11, com a capacitação de conselheiros locais da zona Oeste, também no auditório da Unip, com duas turmas nos horários das 8h30 às 12h00, e das 13h30 às 17h30.

— — —

Texto – Eurivânia Galúcio/Semsa

Fotos – Divulgação/Semsa 

spot_img