29.3 C
Manaus
quarta-feira, fevereiro 21, 2024

Presentes financeiros no Natal podem agradar a todo tipo de investidor

Títulos de renda fixa, criptomoedas e NFTs são algumas das alternativas para a data.

O Natal é uma data comemorativa repleta de tradições, como a clássica troca de presentes. Na lista de opções, além dos artigos convencionais como roupas, brinquedos e acessórios, também é possível inovar e escolher itens financeiros para presentear um amigo, familiar ou colega de trabalho que já investe ou tem interesse em começar a investir.

Títulos de renda fixa, criptomoedas, NFTs e, até mesmo, cursos de investimento podem ser alternativas de presentes no Natal. Além de criativas, as opções podem representar um incentivo para quem deseja fazer o dinheiro economizado render. Segundo a Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin), investir é o caminho para aumentar o patrimônio financeiro e realizar sonhos materiais.

Outro ponto interessante é que esse tipo de presente pode ser dado tanto para aqueles que já entendem sobre investimentos, quanto para os iniciantes que querem aprender sobre o assunto.

Títulos de renda fixa

Os títulos de renda fixa estão entre as opções mais indicadas por especialistas em finanças, afinal, são considerados a porta de entrada para quem deseja começar a investir. Entretanto, antes de presentear alguém, é preciso de um breve conhecimento sobre o assunto para a escolha ser a mais indicada para quem irá receber.

A Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) recomenda estudar sobre cada produto financeiro para compreender qual está mais alinhado com os interesses e o perfil do investidor. Isso ajudará, inclusive, a observar qual produto tem o prazo mais adequado.

Quem tem objetivos de curto prazo pode ficar feliz em ganhar um título público, como o Tesouro Selic, ou um Certificado de Depósito Bancário (CDB). No caso de objetivos de médio prazo, as Letras de Crédito Imobiliário (LCIs) podem ser uma opção. Para quem tem planos de longo prazo, as debêntures incentivadas são alternativas.

Criptomoedas

Investir em renda variável também é uma possibilidade: há ações e cotas de fundos imobiliários com valores acessíveis, abaixo de R$ 50. Mas os produtos financeiros da categoria são indicados para quem tem mais experiência no mercado financeiro. Um deles tem chamado a atenção, sobretudo, dos jovens investidores: as criptomoedas.

As moedas digitais são opções para o investidor diversificar a carteira de investimentos com um produto que pode oportunizar um alto retorno financeiro. No entanto, por também oferecerem mais riscos de perda financeira, é aconselhável buscar opções mais consolidadas, como Bitcoin (BTC) e o Ethereum (ETH).

O presente desse tipo de ativo digital é dado por meio de transferência para a carteira digital da pessoa presenteada. Para isso, é necessário ter o endereço, que nesse caso é uma sequência de caracteres. Vale lembrar que mesmo sendo um processo on-line, podem ser cobradas taxas pela movimentação da moeda.

NFTs

Ainda na linha dos ativos digitais, os NFTs também podem ser utilizados como presentes natalinos. A sigla vem do termo em inglês non-fungible tokens e refere-se aos símbolos virtuais que representam um bem exclusivo, que pode ser encontrado no mercado com preços variados.

Dessa forma, é possível adquirir um NFT de US$ 50 ou, até mesmo, US$ 1 milhão, que podem aumentar de valor com o tempo, assim como acontece com outros investimentos.

O processo para presentear com um NFT é simples, pois no momento da compra já é possível escolher a função “presentear” para que o valor seja enviado para outro usuário. Em linhas gerais, é preciso criar uma conta onde o NFT será adquirido e usar as criptomoedas necessárias para efetuar o pagamento. O processo é feito por diversas plataformas. Entre as mais conhecidas estão Rarible, OpenSea, Nifty e Gateway.

Cursos e livros de investimentos

Também é possível presentear com conhecimento para auxiliar quem já investe e, sobretudo, quem pretende começar a investir.

Os cursos sobre educação financeira são uma alternativa para auxiliar um amigo, familiar ou colega de trabalho a entender sobre o assunto. É possível encontrar aulas que explicam como estabelecer a organização das finanças pessoais até o processo de poupar e investir. É possível encontrar, também, aqueles que oferecem módulos específicos sobre cada tipo de investimento.

Também é possível apostar em livros sobre o mercado financeiro e finanças pessoais. Há livrarias que já categorizam prateleiras voltadas para a temática, facilitando a procura de quem se interessa pelo assunto.

Para os iniciantes, é recomendável optar por livros que utilizam uma linguagem mais simples e didática, dessa forma, será mais fácil a compreensão do conteúdo.

spot_img