Amazonas Notícias

Presidente gastador

Por Arthur Virgílio Neto

A arrecadação de tributos foi recorde, em fevereiro. Pelo visto, o rebaixamento dos preços, ano passado, não prejudicou o país, haja vista essa arrecadação excelente de fevereiro.

O dado negativo é que Lula recolheu essa arrecadação histórica e as pessoas imaginam que ele certamente pouparia um bom dinheiro. Ledo engano!

Os tributos arrecadados não foram suficientes para saciar a ânsia do Presidente Gastador, que é especialista em jogar dinheiro fora.

Ao invés de poupar, o governo Lula apresentou um rombo de R$41 bilhões. Entenderam agora as razões de ele ter montado o circo do “novo arcabouço fiscal?” São duas: a) fingir que se preocupa com organizar as contas públicas; b) sepultar, de vez, a lei do Teto de Gastos Públicos, deixar o tal “arcabouço” dormindo numa gaveta e continuar a gastança própria de gestores relapsos, antiquados e populistas. É simplesmente isso!

Um circo. Lula é o dono. Haddad é o locutor, começando a “função” com as seguintes palavras: “Boa tarde, distinto público…”. Um circo mesmo.

Relacioandos