Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Prodam entrega projetos de tecnologia que vão possibilitar a expansão das atividades do Cetam

A empresa Processamento de Dados Amazonas S.A (Prodam) realizou, nesta semana, a primeira entrega de uma série de projetos de tecnologia que vão possibilitar a expansão das atividades do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam).

Segundo o chefe da Divisão de Produtos e Marketing da Prodam, Renato Borges, o primeiro serviço entregue foi a instalação de links, ponto a ponto, e de Internet em unidades da instituição da capital. “Conectamos 15 instituições do Cetam, localizadas em diferentes regiões de Manaus, que agora contam com links dedicados de 50 e 100 Megabytes e com a garantia de um acesso de alta disponibilidade à internet”, explicou.

Interior – A Prodam também já concluiu o estudo de viabilidade técnica para a conexão de unidades do Cetam localizadas no interior do Amazonas. “Vamos utilizar a infraestrutura dos projetos Amazônia Conectada e do Gasoduto Coari-Manaus para conectar, via fibra ótica, as unidades que ficam localizadas em oito municípios (Iranduba, Manacapuru, Caapiranga, Anori, Codajás, Coari, Novo Airão e Barcelos)”.

A previsão é que Iranduba e Manacapuru sejam os primeiros municípios a ter uma unidade do Cetam conectada, via fibra ótica, ao Datancenter da Prodam. “Nossa previsão é conectarmos essas duas unidades até a primeira semana de abril. A partir daí, nossa meta é conectarmos unidades de até dois municípios por mês, até o final do ano”, garantiu Borges.

De acordo com o diretor-presidente do Cetam, Prof. Dr. José Augusto de Melo Neto, a conectividade é requisito básico para a realização dos cursos técnicos e de qualificação profissional do Cetam, cuja importância se evidenciou na pandemia. “É uma política de inclusão para acesso ao emprego e renda”, ressaltou.

Desenvolvimento – Além de infraestrutura e conectividade, a Prodam também está executando projetos de desenvolvimento de software para o Cetam. Em 2019, a empresa entregou o sistema de ofertas de cursos e, desde então, a plataforma vem cumprindo sua proposta inicial: simplicidade, praticidade e estabilidade. Agora, em 2021, serão entregues atualizações no sistema, com um novo módulo de sorteio de cursos.

O professor José Augusto destaca que a interiorização da oferta dos cursos profissionais é uma diretriz do Governo do Estado. “O atendimento do Cetam deve ser ampliado e atualizado com base nas diferentes matrizes econômicas dos municípios”, informou.

FOTO: Cleudilon Passarinho

-publicidade-