Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

Professores e estudantes da rede estadual recebem notebooks de parceria com a Positivo e o TJAM

Ao todo, já foram entregues 2.336 equipamentos a alunos e professores de seis escolas de Manaus

Dando continuidade ao Projeto 4.0, a Secretaria de Estado de Educação e Desporto entregou notebooks a 1 mil estudantes de escolas estaduais da zona norte de Manaus. Os equipamentos são fruto da parceria com Positivo e o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM). Nesta quarta-feira (28/04), a equipe deu continuidade à entrega aos alunos da Escola Estadual (EE) Zilda Arns. Os equipamentos são entregues com os dados de cada beneficiado e contam com conteúdos embarcados para serem usados off-line.

Onze escolas de Manaus e 35 do interior do estado serão contempladas com os 7,8 mil notebooks do projeto. Os portáteis foram entregues aos professores e estão sendo distribuídos aos alunos das escolas selecionadas.

A agente de endemias Janete Barroso é mãe da Déborah Sarah, aluna do 5º ano. Ela foi uma das responsáveis por buscar equipamento na EE Zilda Arns, no bairro Nova Cidade, e contou que ele será útil para que a filha consiga acompanhar as aulas e estudar melhor.

“Era pelo meu celular que ela estudava, e como eu trabalho e só chego no fim da tarde, as atividades dela ficavam atrasadas. Com o computador vai melhorar 100%, porque ela vai estar apta para responder no momento em que o professor pedir”, analisa a mãe.

A gestora na unidade, Madalena Ramos, conta que a comunidade escolar é participativa e todos compareceram para receber o notebook, de forma organizada e respeitando os protocolos de segurança. “São quatro turmas de 9º ano e duas turmas de 5º ano. A escola é periférica e com famílias de baixa renda, então a partir do momento que o aluno recebe um notebook para ele, esse aluno tem a liberdade de estudar em tempo real com o ‘Aula em Casa’ e melhorar seu aprendizado”, observa.

Conteúdos embarcados – Os professores de Língua Portuguesa e de Matemática que lecionam nas escolas selecionadas pelo projeto também receberam o portátil. Eles participaram de formações sobre o uso do equipamento e os conteúdos que já vêm instalados neles. Professor de Matemática do 9º ano na escola, Douglas Lira frisa que os notebooks dispõe dos conteúdos usados off-line, que o aluno pode acessar a qualquer momento.

“Ele é muito importante porque vem trabalhado de acordo com a série do aluno. Por mais que o aluno esteja no 9º ano, mas tenha dificuldade com conteúdos do 5º, o programa vai fazer a identificação desse conteúdo em que ele está deficiente e vai sanar as dúvidas que ele tem. O papel do professor é de fazer esse acompanhamento, esse monitoramento, perguntar quais as dúvidas, e nosso papel maior nesse projeto é esse”, ressalta Lira.

As escolas da zona oeste, da CDE 3, também começaram a receber os equipamentos. Ao todo, foram 2.336 entregues aos alunos e professores de seis escolas de Manaus. Os demais equipamentos estão em fase de revisão pelos técnicos em informática da secretaria e serão distribuídos em seguida.

Na Secretaria de Estado de Educação, o projeto está sendo desenvolvido pelo Departamento de Políticas Educacionais (DEPPE) e pelo Centro de Mídias da Educação do Amazonas (Cemeam), que são responsáveis pela identificação, atualização e distribuição dos notebooks.

Parceria – O projeto Educação 4.0 foi idealizado pelo desembargador Wellington Araújo, à época vice-presidente do TJAM, e pela juíza Lídia Frota. O objetivo é alcançar alunos em situação de vulnerabilidade, que vivem em áreas de baixa ou nenhuma conectividade e estudantes ribeirinhos.

Além de estudantes do ensino básico regular, a parceria com o TJAM e a Positivo também contempla a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), que desenvolve atividades com apenados. Assim, a iniciativa colabora para a ressocialização das pessoas privadas de liberdade, visando a reinserção social desse público por meio da educação.

FOTO: Lucas Silva/Secom

-publicidade-