As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Profissionais de parque de diversão recebem cestas básicas da campanha #ManausSolidária

Sem fonte de renda em razão da pandemia de Covid-19, os profissionais da área do entretenimento foram diretamente afetados pelas medidas sanitárias impostas pela doença e, atualmente, muitos se encontram em situação de vulnerabilidade social e econômica. Em atenção a esse público, a Prefeitura de Manaus realizou, nesta terça-feira, 2/6, a doação de cestas básicas para trabalhadores do parque São José, na Compensa, zona Oeste. A ação faz parte da campanha #ManausSolidária, promovida pelo Fundo Manaus Solidária.

Dando continuidade às ações assistenciais da campanha já realizadas, a presidente do Fundo Manaus Solidária, a primeira-dama Elisabeth Valeiko Ribeiro reforçou a necessidade do atendimento, dentro das possibilidades, a grupos de pessoas que normalmente não são atendidas pela equipe do órgão. Além dos profissionais do entretenimento, a campanha também contempla a população LGBT, professores de artes marciais, entre outros.

“Estamos fazendo todo o possível para atender as pessoas que nos procuram, seja qual for a categoria ou grupo a que pertençam. Nosso interesse é ajudar para que todos possam passar por este momento tão difícil, da melhor forma possível. Soubemos dessas necessidades e nos propusemos a ajudar também, assim como temos feito com muitas famílias em situação de risco social. E isso só está sendo possível porque muitas pessoas, empresas e entidades da sociedade civil têm colaborado na nossa campanha #ManausSolidária. Agradeço, em meu nome e no do prefeito Arthur Virgílio Neto, a todos que vêm nos ajudando”, disse.

Welson dos Santos, proprietário do parque de diversão, explica que a bilheteria do local serve como fonte de renda para nove famílias e que, com as atividades paralisadas, boa parte dos colaboradores estava passando dificuldades, o que fez com que ele procurasse o Fundo Manaus Solidária.

“Nunca imaginei que estaríamos passando por uma situação dessa, mas tenho muito a agradecer à Prefeitura de Manaus. Todos aqui dependem do parque, então resolvi buscar ajuda e elas vieram. As cestas vão nos ajudar muito até que possamos reabrir”, disse.

Uma das profissionais contempladas foi Suelen Santos, de 37 anos, moradora do parque São José desde que nasceu e que, assim como seus colegas de trabalho e familiares, estava precisando da ajuda. “Essa cesta básica chegou em uma ótima hora, porque temos muitas pessoas que precisam aqui. Só temos que agradecer a todos, pois esse auxílio vai contribuir para que nós consigamos passar por esse momento difícil”, afirmou.

Texto – Daniel Brito / Fundo Manaus Solidária

Foto – Karla Vieira / Fundo Manaus Solidária