Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

Projeto Rede de Vizinhos Protegidos chega ao Dom Pedro

Na manhã desta sexta-feira (30/04), a Polícia Militar do Amazonas (PMAM), por meio do Comando de Policiamento de Área (CPA) Centro-Oeste, realizou o lançamento do projeto Rede de Vizinhos Protegidos (RVP), na área da 10ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que irá abranger o bairro Dom Pedro e os conjuntos Kíssia e Débora.

O projeto na área centro-oeste vem sendo desenvolvido há seis anos, tendo suas atividades iniciadas no ano de 2015, nos bairros Planalto e Redenção, por meio da 17ª Cicom, conforme o comandante do CPA Centro-Oeste, tenente-coronel Augusto César. O comandante relatou que a eficácia da rede foi tanta, que os moradores do bairro Dom Pedro o procuraram com o interesse de implementar o projeto no bairro.

Maria do Socorro, moradora do conjunto Jardim Versalhes, bairro Planalto, afirmou que o local onde mora sofria com constantes assaltos nas paradas de ônibus e ruas do bairro, sendo tido como perigoso, o que gerava sensação constante de insegurança entre os moradores.

“A Rede de Vizinhos Protegidos foi construída aos poucos como um trabalho de formiguinha. Além de ter melhorado a segurança, também uniu os moradores dos bairros abrangidos pelo projeto”, contou a moradora.

A solenidade aconteceu na Praça de Alimentação do Dom Pedro e teve a presença do chefe do Estado-Maior Geral, coronel Dias Figueiredo, que na ocasião agradeceu, em nome do comandante-geral da PMAM, coronel Ayrton Norte, e do subcomandante-geral, coronel Negreiros, pela parceria exitosa firmada entre a sociedade e a Polícia Militar. Ressaltou ainda que todo esforço a ser empenhado, será inútil se não houver a cooperação e o trabalho sinérgico entre Polícia Militar e comunidade. No local, também estavam presentes os comandantes dos demais CPAs.

Projeto – A Rede de Vizinhos Protegidos visa a interação entre comunidade e Polícia Militar. Através de grupos de WhatsApp, os moradores e o Supervisor de Área (SA) ficam diretamente conectados para qualquer atitude suspeita nas redondezas de suas casas, tendo a ferramenta como modo imediato de acionar o apoio policial, por meio de uma ligação.

FOTO: Divulgação/PMAM

-publicidade-