Durante mais uma noite de policiamento ostensivo nos bairros da zona sul da capital, policiais militares do Regimento de Policiamento Montado (Cavalaria) detiveram, na noite desta terça-feira (13), dois homens suspeitos de porte ilegal de arma de fogo no bairro Betânia, zona sul da capital.

Com os suspeitos, que afirmaram estar se preparando para invadir a área de um grupo rival, os policiais apreenderam um revólver calibre 38, com numeração suprimida, seis munições calibre 38 intactas e dois aparelhos celulares.

Para o comandante geral da Polícia Militar, coronel Ayrton Norte, a detenção dos suspeitos salvou a vida de uma ou mais pessoas. “Como eles mesmos disseram, estavam se preparando para atacar um grupo rival. Em alguns casos, pessoas inocentes se tornam vítimas desses ataques.

As nossas ações continuam, o policiamento ostensivo está nas ruas, e estamos dando uma resposta aos moradores da zona sul até que a paz volte a reinar”, disse.

Segundo informações dos policiais que atenderam à ocorrência, por volta das 20h30, durante patrulhamento pela rua Adalberto Vale, bairro Betânia, foram avistados dois homens em atitude suspeita. Foi feita abordagem e, durante revista pessoal, os policiais encontraram com os homens um revólver calibre 38 com seis munições.

Ao serem indagados sobre a procedência da arma de fogo e para que seria utilizada, os suspeitos informaram que estavam indo atentar contra a vida de um desafeto que faz parte de um grupo rival. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão aos suspeitos, que foram conduzidos ao 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP) para os procedimentos legais.