Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

Proposta prevê a criação da Secretaria de Prevenção de Drogas

O presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereador Professor Samuel, protocolou uma indicação acompanhada de projeto básico ao Governo do Estado propondo a criação da primeira Secretaria de Prevenção de Drogas. A proposta foi debatida, hoje, em uma reunião com o secretário estadual de Segurança Pública, Sérgio Fontes, no plenário da CMM, que esteve no plenário da Casa para debater os projetos na área de combate ao tráfico de drogas.

Responsável por mais de 80% dos assassinatos do Estado, o uso e comércio de entorpecentes são considerados os principais motivadores dos registros de criminalidade da capital e do Estado. Com base nessa estatística divulgada pela própria Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP), o vereador Samuel estudou e elaborou o projeto para a integração de ações específicas para a prevenção da comercialização de qualquer tipo de droga.

“A criação desta secretaria vem ao encontro de nossa principal necessidade que é coordenar de uma forma inteligente as ações, projetos, estudos e parcerias necessárias para contemplar o objetivo de conter este avanço do tráfico de drogas, interligando os trabalhos dos diversos setores governamentais no que dizem respeito às drogas”, declarou o parlamentar.

Investimento

Para Samuel, a criação da nova Secretaria de Prevenção de Drogas é um importante investimento nas áreas de Saúde, Segurança e Educação. “Vejo essa secretaria não como um gasto do governo, mas com um grande e importante investimento. Considerando que o tráfico de drogas é responsável por 80% dos homicídios, nos últimos dez anos, a nova pasta teria a grata missão de reduzir esse índice, fazendo com que o Estado ou Município economize com hospitais e o policiamento ostensivo, que já ficou provado que não tem sido eficaz na prevenção desses assassinatos”, ressaltou.

Combate

O secretário Sérgio Fontes parabenizou a iniciativa de Samuel, além de confirmar os dados apresentados pelo vereador de que em torno de 80% dos crimes verificados em Manaus, em especial os de homicídios estão ligados ao tráfico de drogas. Ainda segundo Fontes, a SSP está se programando para por em prática, no final de abril, uma operação na região da tríplice fronteira – Colômbia, Peru e Brasil -, para combater o narcotráfico na referida área. A intenção segundo ele é a de bloquear a região e impedir a entrada de cocaína e maconha em território brasileiro.

Conforme o titular da SSP, o carregamento de entorpecentes, que entra pela fronteira, vem pelo rio Solimões, e uma parte da região do Vale do Javari concentra uma plantação de aproximadamente 2 mil hectares de coca – o que equivale a uma produção de 100 toneladas de cocaína em pó. Em um primeiro momento, observou o titular da SSP/AM, a ação se concentrará em apreender a entrada de droga em território brasileiro.

-publicidade-