Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Proposta prevê a instalação de Distrito Policial no Viver Melhor

Depois de duas mortes registradas só este ano no Conjunto Viver Melhor, no bairro Santa Etelvina, zona norte de Manaus, e uma média de cinco roubos por dia, o equivalente, a 150 casos ao mês, os moradores do conjunto procuraram a Câmara Municipal de Manaus (CMM) para solicitar a instalação urgente de um Distrito Integrado de Polícia (DIP) no local.

O caso foi repassado à vereadora Professora Jacqueline que preparou uma Indicação solicitando ao Governo do Estado a construção de um Distrito de Segurança integrado entre agentes da Polícia Civil e soldados da Polícia Militar (PM), voltado, especialmente, para atender as demandas do conjunto. Os moradores não quiseram ter seus nomes publicados com receio de represálias por parte de criminosos que atuam na região.

As duas mortes registradas no Viver Melhor em 2015 ocorreram em vingança às vítimas: no dia 26 de janeiro, o sargento da PM Fredson Cunha, 39, foi morto com dois tiros na cabeça após abordar dois homens suspeitos de tráfico de drogas e envolvimento com roubos no conjunto. Ontem, a dona de casa Berenice Silva, 34, que estava grávida, foi assassinada por um adolescente de 17 anos, após denunciar traficantes do local.

“Diante das dezenas de casos de roubos e dois assassinatos em menos de três meses, os moradores não aceitam mais viver sem a presença fixa de uma estrutura policial já que o monitoramento das viaturas do ‘Ronda no Bairro’ não estão sendo suficientes para conter os ataques dos traficantes e ladrões. Vamos acompanhar até que a nossa indicação seja aprovada na Câmara de Manaus e acatada pelo Governo do Estado”, disse a vereadora.

Um morador, que não quis ter seu nome divulgado, afirmou que, diariamente, pelo menos cinco apartamentos são arrombados em todo o conjunto e que o caso já foi levado à Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP), mas não obtiveram retorno das investigações.

“Acreditamos que a instalação de um DIP (Distrito Integrado de Polícia) poderá ajudar a diminuir a ousadia dos criminosos que, muitas vezes, comercializam drogas a luz do dia e também arrombam os apartamentos quando os moradores saem para trabalhar”, afirmou o morador do Viver Melhor.

-publicidade-