Amazonas Notícias

Propriedades rurais sustentáveis no Amazonas são destaque em capacitação técnica

No âmbito da capacitação técnica para a elaboração do Plano Agricultura de Baixo Carbono (Plano ABC+), o Governo do Amazonas, através da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), organizou um Dia de Campo em Manacapuru, situado a 68 km de Manaus. A visita, que aconteceu na sexta-feira (1º/09), contou com o apoio da Prefeitura local e da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), percorrendo quatro fazendas notáveis por suas práticas de pecuária sustentável.

Na Fazenda Las Marias, o pecuarista Valdo Almeida salientou o impacto positivo do biopasto em suas atividades. “Essa nova abordagem de plantio e manejo tem se mostrado rentável apesar dos desafios”, compartilhou Almeida. Enquanto na Fazenda 4 Irmãos, foram demonstradas técnicas de utilização de dejetos animais como fertilizantes.

O Rancho Paraíso da Genética, sob a propriedade de Ilson Freitas, deu destaque ao pasto adaptado para o programa ABC+. Ilson compartilhou insights sobre a adaptação ao clima amazônico e a expectativa de melhorias com o Plano ABC+.

Concluindo a visita, a Fazenda Dona Doquinha exibiu seu manejo de capim mulato, sustentando uma criação de 60 búfalos. O foco esteve na potencialidade do capim híbrido para a futura pecuária no estado.

Para Jeferson Macedo, engenheiro agrônomo da Embrapa, o dia permitiu uma visão prática da pecuária sustentável na região. “Demonstra-se que no Amazonas, é viável conciliar produção agrícola e cuidado ambiental, com custos otimizados”, destacou.

Heitor Liberato, coordenador do plano no estado, antecipou que os próximos passos incluem a oficialização dos membros que colaborarão para a concepção e execução do plano até 2030. Esta estratégia visa abordagens inovadoras para culturas, extração vegetal, produtos animais e tecnologias.

Breve resumo sobre o Plano ABC+: Iniciativa do Governo Federal, o ABC+ é um plano focado na adaptação e resposta à mudança climática e na redução da emissão de carbono no setor agropecuário até 2030. No Amazonas, Sepror liderará um grupo de trabalho incluindo Embrapa, Idam e ADS. As discussões iniciais sobre o Plano ABC+ no Amazonas começaram em abril deste ano na Sepror.

Relacioandos