Manaus – O investigador e chefe de polícia Karl Marx de Araújo Gomes finalmente exonerado do cargo que exercia na Polícia Civil do Amazonas.

A informação foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), na última sexta-feira (24), quatro anos após Karl ser preso pela Polícia Federal transportando mais de 300 quilos de droga. O caso aconteceu em fevereiro de 2014.

Ele foi preso junto com o empresário Josekson da Silva, quando atravessava a Ponte Rio Negro (Manaus- Iranduba) com 315 quilos de cocaína escondidos na carroceria de uma picape L200 Triton.

Karl foi preso junto com o empresário

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here