Rebecca reafirma apoio de Amazonino a Bolsonaro

A candidata a vice-governadora do Amazonas Rebecca Garcia (PP), reafirmou, em evento público com movimentos sociais, o apoio da coligação ‘Eu Voto no Amazonas’, liderada pelo governador Amazonino Mendes (PDT), à candidatura a presidente de Jair Bolsonaro (PSL). O encontro foi com movimentos sociais do bairro de Aparecida, em Manaus, onde ela explicou os motivos do apoio a Bolsonaro, ao ser indagada por uma pessoa do movimento LGBTQ (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais ou Transgêneros).

Rebecca destacou o apoio eleitoral a Bolsonaro, mas disse que há divergências, como em qualquer aliança política. E disse que a coligação de Wilson Lima (PSC) está divulgando uma ‘fake news’ e distorcendo o que ela falou, editando uma gravação de parte da conversa que ela teve com os movimentos sociais. Na conversa, ela lembrou o passado do governador Amazonino Mendes que, diversas vezes, apoiou, como fez agora com Bolsonaro, de forma aberta e democrática, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Rebecca disse que é preciso filtrar o que é correto e o que não é correto em todas as propostas de governo dos candidatos. Disse que é contra a homofobia, que é a favor da liberdade religiosa e disse que o Congresso Nacional é a representação de toda a sociedade. Disse que há pessoas que pensam como Bolsonaro e pessoas que pensam diferente. “Tenho certeza que há de haver um equilíbrio no Congresso, e a gente vê agora mesmo a bancada do Amazonas, que acaba sendo um exemplo de outros lugares”, disse, citando o vice-governador do Amazonas e deputado federal eleito Bosco Saraiva, que é de uma religião de origem africana.

Ela explicou o apoio da coligação a Bolsonaro. “Hoje o governador Amazonino marcha com o partido do Bolsonaro. No primeiro turno apoiou o Ciro Gomes. Mas como o Ciro Gomes não foi ao segundo turno, dos partidos que estavam apoiando a nossa candidatura, só foi ao segundo turno o PSL. Justamente o do Bolsonaro. É porque o partido do Bolsonaro nos apoiou no primeiro turno. O PT não nos apoiou”, afirmou a candidata.

Amazonino Mendes foi o primeiro candidato a declarar apoio a Bolsonaro, logo após o resultado do primeiro turno. “O candidato que eu entendo que eu deva pôr minha mão, dar meu braço e ir à luta com toda a força é o Bolsonaro. Vou apoiá-lo com absoluta convicção”, disse, lembrando que Bolsonaro vai garantir para o Amazonas a recuperação total da BR-319 e os benefícios da Zona Franca de Manaus.