As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Recanto da Criança quebra hegemonia da Tuna Luso e avança para a semifinal Amazonense de Futsal Sub-20

O maior clássico da bola pesada do Campeonato Amazonense de Futsal Su-20, entre Recanto da Criança e Tuna Luso, terminou com vitória doTricolor por 5 a 2, na noite da última segunda-feira (15), na Arena Amadeu Teixeira, na Rua Lóris Cordovil, bairro Flores, zona Centro-Sul. A vitória na última rodada da fase classificatória fez o Recanto assumir a primeira colocação com 19 pontos e colocou fim a era de invencibilidade do rival que não perdia desde 2015. O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), apoia a competição.

Até então único invicto na competição, a derrota fez a Tuna Luso cair para a segunda posição, ficando com 18 pontos. Os dois primeiros colocados têm a vantagem do empate nas semifinais. Na segunda partida, Abílio Nery e Dom Bosco não saíram do 0 a 0.

As partidas das semifinais entre Recanto da Criança x Dom Bosco; Tuna Luso x Abílio Nery, terão as datas definidas no decorrer desta semana pela Federação Amazonense de Futsal (FAFs).

Desfalques e ausências

Líder e invicto até o início da partida, a hegemonia do time cruzmaltino amazonense começou a ruir pouco antes do apito inicial. Com atletas suspensos, o time do treinador Marcelo Galvão acabou tendo mais problemas que o previsto. Apenas os cinco jogadores em quadra iniciaram a partida, já que os reservas não tinham chegado até os primeiros minutos de jogo e dois atletas não compareceram ao compromisso.

Assim, o Recanto conseguiu vencer por 5 a 2, depois do empate em 1 a 1 no primeiro tempo. Luan, Caique, Eduardo, Deyner e Romarinho garantiram o primeiro lugar na semifinal para o Tricolor da Cidade Nova.

“Uns jogadores se atrasaram, estávamos com alguns atletas suspensos e dois não vieram não sei por qual motivo. Mas valeu pela garra da garotada que aguentou o primeiro tempo, mas no segundo realmente faltou um pouco mais de gás. O adversário tem qualidade e mereceu a vitória. Vou agora conversar com eles, temos que vencer a semifinal para tentar a revanche na final da competição”, explicou.

O treinador do Recanto, Ivanildo Alves, conhecido como Careca, reconheceu que a ausência dos jogadores da Tuna facilitou a vida do time Tricolor. “Levando em consideração, também, que a Tuna não jogou completa, nós também jogamos intercalando nossos jogadores pendurados com cartão para jogarem a semifinal”, disse o treinador ressaltando o bom jogo da equipe.

“O volume de jogo foi todo nosso. É lógico que a Tuna tem um contra-ataque muito positivo e quando jogaram no contra-ataque marcaram dois gols. Eles saíram na frente e com o decorrer do tempo aceleramos o passe e foi se abrindo os espaços para que pudéssemos construir a vitória. Agora é pensar no Dom Bosco na semifinal”, finalizou.

FOTO: ANDERSON SILVA/SEJEL