Manaus - 24.06.2019rOrientação na alteração do trânsito nas obras da Av.Constantino NeryrFoto.Altemar Alcantara.Semcom

A partir desta terça-feira, 25/6, a rua e a travessa Arthur Bernardes serão interditadas para dar início a mais uma fase das obras do Complexo Viário Roberto Campos, em construção pela Prefeitura de Manaus na avenida Constantino Nery, zona Centro-Sul. O tráfego do transporte coletivo e de outros veículos será desviado devido à execução dos serviços.

Equipes do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) estiveram nesta segunda-feira, 24, realizando panfletagem no local, orientando condutores e pedestres sobre a interdição e alteração do fluxo de veículos na área.

Com o fechamento das vias, o acesso do bairro São Jorge para a Constantino Nery será feito através do desvio na rua Emílio Ruas, esquina com a avenida São Jorge, em direção à avenida Brasil, uma vez que a ponte da avenida São Jorge, sentido bairro/Centro, estará interditada. O novo itinerário deverá ser feito também pelo transporte coletivo que atende o bairro.

Ao chegar na avenida Brasil, o condutor que pretende acessar a zona Centro- Sul, deverá seguir pela avenida Kako Caminha, acessar a Constantino Nery no sentido Centro, fazer o retorno na altura da avenida Ayrão e seguir pela Constantino Nery ou pela avenida Senador Álvaro Maia.

Quem segue pela Constantino Nery, sentindo bairro/Centro, que antes fazia desvio pela Arthur Bernardes, pode acessar o contrafluxo na própria Constantino, assim como já fazem os ônibus do transporte público.

Vale destacar que o fluxo na Constantino Nery, sentido Centro/bairro, segue em duas faixas no trecho onde ocorre o contrafluxo. O acesso da Constantino Nery para o bairro São Jorge, sentido Ponta Negra, não está interditado.

Sinalizações

O desvio do fluxo São Jorge/Centro pela rua Emílio Ruas está sinalizado, com orientação aos pedestres e condutores quanto às alterações. Na avenida São Jorge foi implantada uma placa para indicar o acesso para a avenida Brasil. Ao longo da rua Emílio Ruas foram implantadas linhas duplas, simples e seccionadas, linha de proibição de estacionamento, linha de retenção, legenda PARE, setas direcionais, zebrado amarelo em acrílico compreendendo as ruas Amaral dos Santos, Dr. Edson Stanislau, Barão do Rio Branco, Vicente Torres Reis, Brasília e Brasil.

Faixas exclusivas

As faixas exclusivas ao transporte coletivo da Constantino Nery, Torquato Tapajós e Mário Ypiranga Monteiro seguem liberadas para uso dos demais veículos até a conclusão das obras do complexo viário.

Transporte coletivo

Os ônibus do transporte coletivo que seguem pela avenida Constantino Nery, sentido Centro/bairro, continuarão seguindo itinerários normais, assim como os que seguem no sentido São Jorge. Entretanto, por conta da nova fase nas obras do complexo viário, os pontos de paradas que se encontram no trecho entre a rua Emílio Ruas e Constantino Nery serão desativados e as linhas que atendem aos usuários da avenida São Jorge, sentido bairro/Centro, sofrerão alterações.

LINHAS – 120 / 121 / 211 / 216 / 221

Bairro/Centro – Itinerário normal até a avenida São Jorge / rua Emílio Ruas (à direita) / rua Barão do Rio Branco / rua Amaral dos Santos / avenida Brasil / retorno no Centro de Convivência / avenida Brasil / avenida Álvaro Maia / avenida Constantino Nery (T1) / normal.

LINHA – 122

Sentido Bairro/T2 – Itinerário normal até a avenida São Jorge / rua Emílio Ruas (à direita) / rua Barão do Rio Branco / rua Amaral dos Santos / avenida Brasil / retorno no Centro de Convivência / avenida Brasil / avenida Álvaro Maia / normal.

LINHA – 118

Bairro/Centro – Itinerário normal até a avenida São Jorge / rua Emílio Ruas (à direita) / rua Barão do Rio Branco / rua Amaral dos Santos / avenida Brasil / retorno no Centro de Convivência / avenida Brasil / avenida Álvaro Maia / avenida Joaquim Gonzaga (direita) / avenida Ayrão / avenida Djalma Batista / normal.

Obras

A Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) trabalha nas perfurações das estacas de contenção na trincheira dois do Complexo Viário Roberto Campos para, após essa fase, dar início às escavações subterrâneas na avenida Constantino Nery. Mais de 50 operários e maquinários apropriados atuam em ritmo intenso para que a obra seja entregue dentro do prazo estimado de 15 meses.

Texto – Divulgação / IMMU e Seminf

Foto – Altemar Alcântara / Semcom