As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Saiba quem são os aprovados pela Escola Superior da Defensoria Pública para o Programa de Residência Jurídica

A Escola Superior da Defensoria Pública do Amazonas (Esudpam) divulgou nesta segunda-feira, dia 29 de maio, o edital com o resultado final do I Exame de Seleção de Candidatos ao Programa de Residência Jurídica da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM). O edital, que contém a lista com a classificação dos candidatos em ordem decrescente de pontuação, está disponível no site www.defensoria.am.def.br, no menu Esudpam/Processo Seletivo.

De acordo com o diretor da Esudpam, defensor público Carlos Almeida Filho, as provas e as notas de todos os candidatos que realizaram o exame poderão ser consultadas pessoalmente na sede da Escola, na rua 24 de Maio, 321, Centro, zona sul de Manaus, de segunda a sexta-feira, no horário das 8h às 14h. A convocação dos dez primeiros classificados deverá ser feita ainda nesta semana.

O defensor público geral do Amazonas, Rafael Barbosa, destacou que o Programa de Residência Jurídica tem o objetivo de proporcionar aos bacharéis em Direito o aprofundamento no conhecimento sobre o modelo de assistência jurídica integral e gratuita prestado pela Defensoria Pública à população de baixa renda. “É uma oportunidade para disseminarmos na comunidade acadêmico-jurídica a visão sobre a instituição, proporcionando também treinamento prático”, afirmou.

Conforme o Edital n° 002/2017-ESUDPAM, que trata do Exame de Seleção e também está disponível no site da DPE-AM, as 10 vagas do Programa de Residência Jurídica (PRJ) deverão ser preenchidas pelos candidatos aprovados na seleção que comprovem ter obtido o título de Bacharel em Direito. Os aprovados serão convocados, por ordem de classificação, ficando a critério da administração da instituição, em caso de surgimento de vagas, convocar candidatos constantes do cadastro de reserva, observada a ordem de classificação.

No momento da convocação para matrícula no PRJ, o aprovado deverá apresentar os seguintes documentos: cédula de identidade; CPF; titulo de eleitor; comprovante de quitação eleitoral; certificado de quitação com o serviço militar (se homem); comprovante do título de Bacharel em Direito e de colação de grau; e certidões negativas criminais e disciplinares dos órgãos e/ou entidades a que esteja vinculado.

O processo seletivo tem validade de um ano, a contra da publicação do resultado final, prorrogável por igual período.

 

Edital contempla grupos do Festival Folclórico do Amazonas com apoio financeiro

você pode gostar também