As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Seap realiza encerramento de cursos voltados para a beleza feminina na UPSF

O Departamento de Reintegração Social (Deresc) da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), em parceria com o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), realizou, na manhã desta quinta-feira (25/07), no auditório da Unidade Prisional Semiaberto Feminino (UPSF), a cerimônia de encerramento e entrega dos certificados dos cursos de “Maquiagem” e “Design de sobrancelhas” para 31 apenadas do regime aberto e semiaberto.

Com o mercado de trabalho cada vez mais exigente, a parceria vem impulsionar a capacidade de criar habilidades que possam promover a autonomia e geração de renda. O objetivo é apresentar opções para elas terem sucesso e respeito produzindo produtos e serviços pelos seus esforços.

O secretário executivo adjunto da Seap, tenente-coronel André Luiz Barros Gioia, participou da entrega dos certificados e revelou que a Seap tem o propósito de devolver o indivíduo para o convívio em sociedade e ao mesmo tempo de qualificá-lo para o mercado de trabalho. “Abracem essa oportunidade e façam a diferença para quando saírem vocês possam ter a chance de ingressar na sociedade e ter um emprego”.

“A qualificação profissional oferecida na unidade é a oportunidade perfeita para nós abrirmos o nosso próprio negócio e poder ganhar dinheiro de forma honesta, e pra mim, particularmente, o curso é uma forma de renda extra, pois eu já trabalho com vendas de bolos”, finaliza a participante Jamya Raquel.

A juíza da Vara de Execuções Penais, Sabrina Ferreira, diz que esse tipo de ação, que mexe com a autoestima das reeducandas, é importante, pois tira o tempo ocioso do interno e o mantém ocupado fazendo atividades para o bem deles mesmo. “Estou comovida de tantas mulheres autônomas que conseguiram se profissionalizar e poder fazer o diferente, e que vocês sejam os espelho para as novas reeducandas que irão fazer o curso posteriormente”, disse Sabrina.

Em agradecimento, a interna Kelly Almeida diz que o curso é um grande incentivo para todas. “Eu moro no município de Iranduba e venho todos os dias para o curso, é uma satisfação vir para as aulas, pois estou aprendendo algo que me valoriza como mulher e posso ganhar dinheiro com isso”, afirmou.

Novos cursos – A diretora da UPSF, Suely Borges, informou que novas turmas serão abertas e novos cursos voltados para a beleza e cuidados femininos serão ofertados na unidade.

Foto: Divulgação

você pode gostar também