Take a fresh look at your lifestyle.

Secretário de Estado de Saúde se reúne com prefeito eleito de Canutama

-publicidade-

O Secretário de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), Marcellus Campêlo, recebeu o prefeito eleito do município de Canutama (a 619 quilômetros de Manaus), Zé Roberto. O encontro ocorreu na sede da secretaria e tinha o objetivo de alinhar ações para a implementação de projetos do programa ‘Saúde Amazonas’.

O titular da SES-AM destacou que a atual gestão está fazendo esse trabalho de aproximação com os prefeitos eleitos para apresentar as ações planejadas para os municípios do interior do Estado e indicar que a secretaria está à disposição para apoiar as prefeituras.

“Nós queremos regionalizar a saúde no Estado do Amazonas, fortalecer os polos e subpolos de modo que as prefeituras nos ajudem nessa política de descentralização, e também evitar para que os pacientes tenham que se deslocar dos seus municípios para a capital de Manaus em busca de tratamento. Nós queremos desenvolver isso no ano de 2021”, disse Marcellus Campêlo.

O Saúde nas Calhas vai estruturar as unidades de saúde fora de Manaus e a atuar na regionalização de cinco polos (Itacoatiara, Manacapuru, Parintins, Tabatinga e Tefé). De acordo com Campêlo, atuar de forma integrada com os municípios é determinante para que o atendimento do serviço público no interior seja ofertado com maior qualidade. Ele destaca que é importante começar a receber os prefeitos eleitos para a SES apoiar as prefeituras desses municípios, além de reforçar a união entre os órgãos de saúde.

“Quero agradecer ao secretário por nos receber e reforçar que iremos fazer tudo que estiver ao nosso alcance para a melhoria do povo de Canutama. Conto com as ações do Estado e a ação integrada para fortalecer a saúde pública do município”, disse o prefeito eleito de Canutama, Zé Roberto.

De acordo com dados da SES-AM, mais de 1 milhão de pessoas deslocam-se do interior do Estado para atendimento de saúde na capital. Ao fortalecer a saúde desses municípios, objetivo é diminuir esse quantitativo e dar condições para o atendimento nessas cidades, fazendo com que os pacientes busquem a capital apenas em casos de alta complexidade.

Saúde Amazonas – O programa “Saúde Amazonas vai executar o reordenamento e a modernização da área de saúde. Os investimentos previstos são da ordem de R$ 1,4 bilhão até 2022. O Saúde nas Calhas, que faz parte do Saúde Amazonas, vai descentralizar os serviços assistenciais à população do interior do estado, estruturar as unidades de saúde fora de Manaus e a atuar na regionalização de cinco polos (Itacoatiara, Manacapuru, Parintins, Tabatinga e Tefé) com a implantação do Saúde nas Calhas.

FOTO: Divulgação/SES-AM

-publicidade-