Take a fresh look at your lifestyle.

Seduc suspende aulas da rede estadual por conta de greve e vandalismo em Manaus

-publicidade-

Manaus – As aulas nas escolas estaduais de Manaus no período vespertino e noturno foram suspensas pela Secretaria de Educação do Amazonas (Seduc) por conta da greve dos ônibus e a depredação de 61 veículos coletivos na manhã desta segunda-feira (4).

De acordo com a Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC), a medida visa garantir “a segurança dos alunos e servidores da educação”. Os ônibus foram depredados e alguns incendiados pelos manifestantes revoltados com a falta de ônibus.

A população espera uma decisão definitiva entre os rodoviários e os empresários, que participam de uma reunião no Ministério Público do Trabalho (MPT).

Escolas municipais

A Semed Manaus informou que as aulas nas Escolas Municipais Maria do Socorro Azevedo de Oliveira, Professora Ignes de Vasconcelos Dias, Maria Ferreira da Silva, Hiran Caminha e o Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Ângela Honorato, todas localizadas no bairro Jorge Teixeira, zona Leste, serão suspensas, na tarde desta segunda-feira (4), em virtude de estarem próximas das manifestações que acontecem por conta da greve dos rodoviários. O órgão destaca que os 1.823 alunos matriculados no turno vespertino não terão prejuízos no processo de ensino e aprendizagem, visto que terão às atividades repostas.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
As demais unidades de ensino da rede municipal funcionarão normalmente na tarde desta segunda-feira e que os alunos que não conseguirem chegar às escolas, não serão prejudicados, uma vez que não haverá descontinuidade do ensino e as aulas serão repostas ao longo do ano.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Quanto às aulas no período da manhã, as mesmas foram regulares nas 499 unidades de ensino da rede. Os alunos dos 34 professores que não conseguiram chegar aos seus locais de trabalho, pela parte da manhã, também não foram prejudicados.

-publicidade-