As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

SENAI e Marinha anunciam qualificação de aquaviários

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI Amazonas) assinou contrato nesta quinta-feira (2) com a Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental (CFAOC) para realização do curso de Aperfeiçoamento para Aquaviários, na seção de máquinas – fase presencial (APAQ-II M). Com atendimento por dois anos, a Marinha considerou que o SENAI tem capacitação dos instrutores, corpo técnico, docente e laboratório com estrutura adequada à realização do curso que irá qualificar ao todo 96 marinheiros fluviais de máquinas.

O SENAI já foi aprovado no credenciamento em 2015 e supriu a demanda regional que antes recorria a Belém ou Rio de Janeiro para atendimento. Com os cursos ministrados em nível local, o SENAI Amazonas se torna a única instituição apta no estado a atender a necessidade da região em manutenção.

“É uma satisfação muito grande reafirmar o compromisso de profissionalizar as forças armadas. Sabemos que a responsabilidade do SENAI no processo é poder dar o melhor preparo para esses alunos dentro do curso que serão submetidos e iremos entregá-los aptos para atuação na área para o mercado de trabalho”, ressaltou o diretor Regional do SENAI-AM, Rogério Pereira.

Com validade de dois anos, o credenciamento é feito com base nas Normas da Autoridade Marítima para o Ensino Profissional Marítimo de Aquaviários (Normam), em três fases: a primeira, documental, em que a instituição é avaliada por suas informações de alvará e registro profissional dos docentes, a segunda, por meio de visitas aos locais onde são ministradas as aulas, e, finalmente, um relatório descritivo para análise do pedido de credenciamento.

“Estamos renovando essa parceria com o SENAI que já vem acontecendo de forma satisfatória há alguns anos, sobretudo na formação dos profissionais de máquinas. Esse ano, pretendemos capacitar em torno de 96 alunos que vão contribuir muito para capacitação do pessoal da região, com a inserção no mercado de trabalho e a qualidade já proporcionada pelo SENAI”, relatou o capitão dos Portos, Capitão de Mar e Guerra Alexandre Veras Vasconcelos.

O SENAI vai ministrar curso, com turmas iniciadas em junho, nas disciplinas presenciais para aquaviários: Tornearia Mecânica (35h), Processos de Soldagem (25h), Manutenção de Máquinas e Equipamentos Auxiliares (22h), Manutenção e Operação de Motores a Diesel (20h) e Prática de Sistema Elétrico (16h). As aulas serão realizadas nas instalações das Escolas SENAI “Waldemiro Lustoza” (ESWL) e “Antônio Simões” (ESAS).

O aperfeiçoamento dos aquaviários – seção de máquinas, ministrado pelo SENAI em 2017, formou 48 profissionais credenciados pela Diretoria de Portos e Costas (DPC). Após aprovado no curso, o profissional poderá exercer a função na categoria de Condutor Maquinista Motorista Fluvial.

“Estamos com o objetivo de mais uma vez atender e preparar os profissionais. Dentro das cinco disciplinas ofertadas, teremos as aulas divididas entre os laboratórios de Elétrica, da ESAS, e o de Caldeiraria e Solda, da ESWL”, explicou a gerente da Escola SENAI Waldemiro Lustoza, Ivana Ayrton.

você pode gostar também