As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Seped auxilia aposentada a ter seu direito garantido em agência bancária

Mulher precisava de atendimento em um banco para cumprir “prova de vida”, exigida pelo BPC

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Seped) auxiliou a aposentada Maria do Rosário Ribeiro da Silva, de 59 anos, a realizar, na manhã desta quinta-feira (19/09), a “prova de vida” em uma agência bancária da cidade. A “prova de vida” é cumprida anualmente pelas redes bancárias para assegurar ao cidadão o recebimento do Benefício de Prestação Continuada (BPC), fornecido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

A aposentada foi diagnosticada com obesidade mórbida e, após o período de um mês em coma, por conta de uma pneumonia, ela perdeu os movimentos das pernas. Com a mobilidade reduzida, esta foi a segunda tentativa dela em realizar a “prova de vida” junto ao banco, localizado na Cidade Nova, zona norte de Manaus.

Maria conta que não conseguiu cumprir a prova no mês passado pela falta de acessibilidade e descaso na chegada à unidade bancária. “Sair de casa é um sofrimento. Quando eu chego no banco, não tenho como entrar sem cadeira de rodas e, no dia que precisei, ninguém se propôs a vir aqui fora oferecer ajudar ou sequer dar uma informação”, lamentou Maria.

Após realizar denúncia e registrar boletim de ocorrência, a família de Maria do Rosário foi encaminhada à Seped, onde recebeu apoio da equipe de assistência social. No intuito de garantir o seu direito previsto pela Lei Brasileira de Inclusão (LBI), a secretaria dispôs o traslado de Maria até o local da “prova de vida” em uma van adaptada e ofereceu uma cadeira de rodas própria para a utilização de obesos.

FOTO: ZECA BARCELLOS/SEPED

você pode gostar também