33.3 C
Manaus
quarta-feira, fevereiro 21, 2024

Serafim Corrêa apela ao TSE para evitar caos político em Coari

O Deputado Serafim Corrêa (PSB), foi a tribuna da Assembleia Legislativa na manhã desta terça-feira (10) e falou sobre a crise no município de Coari, no interior do Amazonas. O parlamentar mostrou-se preocupado com a demora do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em publicar o Acórdão , o que causa instabilidade política no município.

“A imprensa de hoje, noticia a renúncia do vice-prefeito do município de Coari, permitindo com isso, que seu irmão, o presidente da Câmara de vereadores assuma. Todos sabem que no ano passado, o TSE cassou tanto o prefeito quanto o vice, só que devido a não publicação do acórdão, essa decisão não vale. No meu entendimento, a grande responsabilidade do que está acontecendo em Coari é de muitos, aí incluído o TSE. Temos que ter a coragem de dizer isso. Não é possível que um ministro com duzentos assessores, leve tanto tempo para redigir um acórdão”, disse Serafim.

Ele reiterou o apelo ao TSE para que acelere esse processo e evite o que classifica como o aprofundamento do caos. “A tendência é que o quadro crítico de tensão em Coari se agrave. Se nada for feito, imediatamente, tudo o que acontecer naquele município será de responsabilidade de muitos, mas principalmente do Tribunal Superior Eleitoral.”

Serafim encerrou o pronunciamento no pequeno expediente, dizendo que há uma tentativa clara de se criar uma confusão jurídica em torno do assunto e que pode beneficiar o ex-prefeito Adail Pinheiro. “Quem paga por tudo isso é o povo de Coari, que não merece essa falta de responsabilidade “.

O deputado também utilizou a tribuna para falar sobre os problemas que futuramente envolverão servidores dos Poderes que não estão contribuindo para o Fundo Previdenciário do Estado do Amazonas (Amazonprev) e que podem ficar sem suas aposentadorias. Ele apresentou requerimento convidando o presidente da autarquia, Silvestre Castro Filho, para que exponha aos parlamentares a atual situação da AMAZONPREV.

“ Eu peço aos colegas que aprovem o requerimento. É um convite para que ele venha aqui e tenha um diálogo conosco para expor a situação da Amazonprev e ajudar-nos a encaminhar uma solução para a questão”, disse.

spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui