Take a fresh look at your lifestyle.

Servidores da Sejusc recebem oficina básica de língua de sinais

-publicidade-

Ação tem o objetivo de aperfeiçoar o atendimento dado no Núcleo da Pessoa com Deficiência (Núcleo PcD)

Servidores da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc) passaram por uma oficina de noções básicas de Libras, língua de sinais específica para pessoas surdas. O curso durou três dias e encerrou nesta quarta-feira (23/09), Dia Internacional da Língua de Sinais. A ação tem o objetivo de aperfeiçoar o atendimento dado no Núcleo da Pessoa com Deficiência (Núcleo PcD) da Sejusc, localizado na rua Salvador, 456, bairro Adrianópolis.

A oficina iniciou com explicações sobre o que é a língua de sinais, além de desmistificar conceitos relacionados às pessoas surdas. Cerca de 50 servidores do órgão participaram do treinamento, aprendendo o alfabeto manual em libras, cumprimentos básicos e os sinais de documentos necessários para os procedimentos no Núcleo PcD. O local realiza atendimentos para o público PcD e idosos.

O secretário William Abreu, titular da Sejusc, destacou que o objetivo é expandir a capacitação para servidores de outras unidades de Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC), incentivando que os funcionários pratiquem a inclusão de pessoas surdas.

A secretária executiva dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Lêda Maia, destacou a oficina como um ponto de partida para melhorar a comunicação. “O treinamento surgiu da ideia da nossa equipe de libras para envolver todos os funcionários do Núcleo durante o Dia Nacional da Pessoa Surda, no dia 26 de setembro. O objetivo é que a gente consiga incluir essas pessoas no nosso dia a dia, que todos saibam atender e receber uma pessoa surda”.

O intérprete de Libras, Rafael Matos, coordenou a oficina no Núcleo PcD e falou sobre a importância da iniciativa. “A importância é tamanha porque se faz um trabalho com os funcionários dentro da Sejusc para que eles entendam como vive um surdo, quais as necessidades. É importante também porque é um público que a gente atende todos os dias. É de grande valor não só para o trabalho deles no órgão, mas também poder levar para fora e disseminar para a família”.

Núcleo PcD – O Núcleo PcD da Sejusc oferece serviços de cidadania com emissão de documentação básica exclusiva para PcDs e idosos. O local também realiza cadastramento para Carteira Intermunicipal, Interestadual e concessão do Passa Fácil, além de orientação jurídica, psicossocial e recebe solicitação de cadeiras de rodas universal e postural.

Foto: Raine Luiz / Sejusc

-publicidade-