Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

SES-AM ganha reforço de maior e mais moderna UTI móvel

A empresa que presta serviço de ambulâncias para a SES-AM adquiriu três carros de UTI, totalizando 16 para as remoções

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) ganhou o reforço, nesta terça-feira (01/06), no serviço de transporte de ambulância das unidades realizado pela empresa WF. Para melhorar a estrutura, a empresa renovou a frota com a compra de “truck ambulance” (ambulâncias do tipo “furgão”) equipada com os aparelhos mais modernos para remoção em unidade de terapia intensiva (UTI) móvel, sendo uma com dois leitos de suporte avançado, e as outras duas com um leito de suporte avançado e um leito de suporte básico.

Ao todo, com a nova aquisição da empresa, a SES-AM passa a contar com 16 ambulâncias de UTI Móvel para remoções tanto da capital como do interior, seja na região metropolitana ou na transferência do aeroporto para as unidades de saúde.

A secretária executiva adjunta de Atenção à Urgência e Emergência, Mônica Melo, destaca sobre a renovação e modernização da frota que presta serviço à SES-AM. “Foi uma demanda da própria empresa. Por exemplo, se chegar dois pacientes no aeroporto, a empresa teria que mandar duas ambulâncias. Agora ela pode optar por mandar somente um carro para transportar dois pacientes ao mesmo tempo e transferir de uma unidade ao mesmo tempo”, disse.

A estrutura desses carros é o diferencial. Com capacidade para mais e melhores cilindros de oxigênio, equipamentos mais avançados e a possibilidade de estacionar em qualquer lugar para ligar os equipamentos em tomadas e mantê-los em funcionamento se necessário, é possível manter um paciente sob os cuidados médicos dentro da UTI móvel por até 24h. Além disso, alguns exames são feitos no interior da ambulância e, ao chegar ao destino, o médico recebe o paciente com os resultados impressos, facilitando e agilizando o atendimento.

O veículo também conta com pressão negativa em sua estrutura, tornando o carro adequado para o transporte de pacientes com síndromes respiratórias como tuberculose, gripes e covid-19, pois ajuda a evitar que pequenas partículas expelidas pelos pacientes se evadam para fora do veículo, assim diminuindo o risco de contaminação.

Uma ambulância normalmente só possui um banco, para o médico. No entanto, na UTI móvel adquirida pela empresa, os leitos de suporte básico possuem duas poltronas, enquanto os leitos de suporte avançado possuem quatro poltronas. Com mais poltronas, ou até mesmo com a retirada de um dos leitos, é possível aumentar o espaço e assim o número de profissionais na equipe de atendimento no caso de pacientes muito graves, oferecendo um atendimento mais completo.

FOTO: Divulgação/SES-AM

-publicidade-