Amazonas Notícias

SES-AM realiza encontro de Promoção ao Autocuidado por meio das PICs no Distrito Sanitário Especial Indígena 

 Além dos servidores da saúde, colaboradores das demais áreas também participaram das atividades 

A Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM) realizou o encontro de Promoção ao Autocuidado por meio das Práticas Integrativas e Complementares (PICs) e Ações Culturais para os servidores do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI). O objetivo do encontro foi proporcionar um momento de autocuidado com a saúde mental no local de trabalho. O DSEI, que possui em seu quadro alguns colaboradores indígenas, realizou as atividades também para servidores de outras áreas. 

A iniciativa foi coordenada pela Gerência da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS/SES), que praticou meditação, biblioterapia, johrei, auriculoterapia, aromaterapia e utilização de sprays fitoenergéticos. A praticante de biblioterapia do Departamento de Gestão de Recursos Humanos, Katty Anne Nunes, destacou os efeitos dos exercícios para a saúde.  

“A nossa participação nesses momentos é com a roda de biblioterapia, que para algumas pessoas o nome é novo, mas é uma prática muito antiga, desenvolvida na Grécia, onde as pessoas se reúnem em torno de um poema, uma história, um conto ou de algo literário, e por meio dessa leitura vai despertando insights para que a gente chegue num diálogo numa roda de conversa. Algumas vezes conversamos coisas que pensamos que só a gente está vivenciando, mas acaba que o outro também passa pela mesma situação, isso acaba nos fortalecendo para buscar soluções”, finalizou. 

Praticas Integrativas e Complementares (PICs) 

As Pics são ferramentas preventivas cujo prática tem raízes ancestrais, regionais e orientais, onde os tratamentos utilizam recursos terapêuticos com o objetivo de cuidar da saúde de forma integral, buscando a prevenção de doenças como a depressão.  

Além disso, as práticas complementares visam fortalecer o equilíbrio físico, emocional e mental a partir do autocuidado, uma vez que se baseiam na desarmonia do corpo ou mente resultando em questões emocionais, que se materializam no físico e acabam afetando os órgãos. 

Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) 

O Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) é a unidade gestora descentralizada do Subsistema de Atenção à Saúde Indígena (SasiSUS). É um modelo de organização de serviços, orientado para um espaço etno-cultural dinâmico, geográfico, populacional e administrativo, que contempla um conjunto de atividades técnicas, visando medidas racionalizadas e qualificadas de atenção à saúde. Promove a reordenação da rede de saúde e das práticas sanitárias e desenvolve atividades administrativo-gerenciais necessárias à prestação da assistência, com o controle social. 

FOTOS: Divulgação/SES 

Relacioandos