Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

SES-AM realiza oficina de projetos prioritários do programa Saúde Amazonas

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), por meio da coordenação do programa Saúde Amazonas, realiza nos dias 25 e 26 de maio, a Oficina de Projetos Prioritários e Saúde nas Calhas 2021. O encontro acontecerá na Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE) e visa reunir gestores, secretários e equipe técnica para debater e definir os projetos que terão prioridade ainda no ano de 2021.

A oficina estabelecerá ações voltadas para a Reorganização da Rede, Ampliação do Faturamento e o projeto Saúde nas Calhas com prioridade, sendo os grandes pilares do Programa Saúde Amazonas.

Durante o primeiro dia da programação serão apresentadas as demandas da rede de saúde na capital e no interior para que, com base nessas informações, os secretários e representantes realizem a definição dos projetos prioritários.

Serão também consideradas as prioridades do programa anteriormente estabelecidas, tendo em vista o atual cenário da saúde no estado, por meio das demandas da pandemia e de outras causas, como as doenças crônicas agudizadas e causas externas que chegam à rede.

“Precisamos vincular com as prioridades que estavam elencadas pelo Infrasaúde, integrar as ações da formação e desenvolvimento do servidor, considerando o RH existente e necessário para implementar essas ações, além de todo o suporte através da Governança de TI”, explicou a coordenadora do Programa Saúde Amazonas, Raquel Tapajós.

Um documento com as resoluções dos projetos estabelecidos como prioritários será apresentado ao secretário de saúde, Marcellus Campêlo, com o cronograma de execução e as aplicações no desenvolvimento da rede de saúde do Estado.

Para a coordenadora, definir as ações por nível de prioridade e execução são importantes para ofertar a população mais qualidade na rede de assistência do Amazonas.

“Essas ações têm que estar interligadas para funcionar de forma mais efetiva, para trazer mais saúde para a população amazonense, por meio de mais consultas, mais exames e da ampliação da oferta de serviço para todos, na capital e no interior do estado, como propõe o programa Saúde Amazonas”, finalizou.

FOTO: Tácio Melo/Secom e Divulgação/SES-AM

-publicidade-