As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

SESI começa ano letivo com acolhimento festivo

O Serviço Social da Indústria (SESI Amazonas) deu início nesta segunda-feira, 28, o período de “volta às aulas”, com as crianças do maternal e creche da Escola SESI Dr. Francisco Garcia, no Distrito Industrial. No acolhimento dos novatos e veteranos, uma festa surpresa para ajudar na adaptação ou readaptação ao ambiente escolar. De acordo com a gerente da Escola, Acilda Santos, o primeiro dia é sempre cheio de emoção para as crianças e para os pais, que têm sua rotina modificada.

“O ano começa com a recepção de quem acolhe da melhor forma possível os filhos dos trabalhadores da indústria amazonense, os professores. Toda a equipe é preparada para atender pais e filhos, pois muitas vezes, os pais estão mais chorosos, mais preocupados que os filhos”, disse a gestora. Este ano a escola recebe aproximadamente 2 mil alunos em sua unidade, da creche ao ensino fundamental.

Usar de “transparência” foi a tática para introduzir o recém-ingresso na Creche do SESI, Vitor Hugo, 3 anos, do maternal 2. Pela primeira vez longe dos cuidados dos pais, o aluno estava bastante animado, segundo o pai, Vanderson dos Anjos, 31, que trabalha como almoxarife da Yamaha Motor da Amazônia. “Espero que ele desenvolva novas habilidades com o convívio social e que o SESI o prepare para o futuro, porque no fundo é isso que a gente esta almejando, o futuro dele”, disse.

Para iniciar a adaptação de Vitor Hugo da forma mais “transparente” possível, Vanderson fez a apresentação da escola à criança antes do início do ano letivo justamente para ajudá-lo a aceitar esse novo universo. E o primeiro contato foi positivo. De acordo com o pai, o SESI foi unanimidade nas indicações dos amigos e colegas que já têm filho na creche.

“Eu tenho certeza que ele (Vitor Hugo) vai ser bem tratado por conta das boas referências que me foram dadas. Tudo é novidade e, para ele, é até natural que estranhe um pouco, mas nos surpreendeu a forma como ele entrou na sala, parecendo bem à vontade com o espaço”, contou Vanderson.

A creche também foi uma novidade para Caroline, de 5 meses, nova integrante do berçário. O fato do bebê ter intolerância a lactose foi o único motivo que deixou apreensiva a mãe Liliane Olaya, 36 anos, analista de comércio exterior na BIC da Amazônia, com os primeiros dias de adaptação da filha mais nova ao novo ambiente.

Olaya assegura que conhece a estrutura da escola, e que toda a equipe garantiu o comprometimento nesse período de adaptação da filha, inclusive introduzindo alimentos saudáveis como frutas naturais, em seu dia a dia na escola.

“Este ano, a minha expectativa em deixar mais uma filha nas mãos dos profissionais do SESI é nota 10. Já tenho uma filha na escola, a Catherine, de 6 anos, que entrou com 1 ano de idade, já está no 1º ano do fundamental e ama este lugar. Tenho certeza de que minhas filhas ficarão muito bem, pois a experiência que tenho com essa equipe do SESI é maravilhosa. Confio no SESI”, disse ela.

O processo de readaptação vai ser vivido pelos pais de Lucas, de 1 ano e 2 meses, do maternal 1, Monique Miranda, 29, e Paulo Santos, 33, engenheiros da Samsung. O filho que ingressou no SESI aos 6 meses, hoje saiu do berçário e entrou para o maternal 1 (alunos de 1 a 3 anos).

“Ele se desenvolveu muito aqui no SESI. Foi aqui que ele aprendeu a andar e mais cedo do que normalmente as crianças começam, com 10 meses. Hoje ele é bem esperto, fala algumas palavras, percebi que as partes cognitiva e social dele se desenvolveram muito e isso ele conseguiu através do SESI. Deixamos realmente com pessoas que a gente confia”, relatou Miranda.

Acompanhamento psicológico para os pais

Os pais têm um espaço reservado no acolhimento da Escola SESI Dr. Francisco Garcia. Com café e bolachinhas, os pais aguardam o retorno da equipe pedagógica através da psicóloga do SESI, Déborah Damasceno, sobre o desenvolvimento e andamento da rotina do filho em sala de aula.

A especialista de compras na empresa Moto Honda da Amazônia, Cristiane Nascimento, 37 anos, diz que apesar de ser esse um processo natural já esperado, não consegue conter a emoção ao deixar o filho Francisco Heitor, 1 ano, pela primeira vez na Creche do SESI.

“Estou com ótimas expectativas em relação ao SESI desde a primeira acolhida feita no momento em que vim visitar, no ano passado. Conversei com várias pessoas, sempre com depoimentos positivos, até aqui, e hoje, não está sendo diferente, a acolhida comigo e com meu filho está sendo muito boa, eu acredito que é uma parceria que vai durar anos”, frisa Nascimento.

A Escola SESI Dr. Francisco Garcia, localizada na Av. Governador Danilo Areosa, 1531, DI, conta em sua unidade com aproximadamente 160 funcionários, entre eles, professores, pedagogos, auxiliares, pediatra, odontopediatra, enfermeiros, assistentes sociais e psicólogos. Além de contar com a parceria da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) com atendimentos oftalmológicos e ortopédicos, colocando em prática o projeto “Saúde na escola”, para ações preventivas com as crianças de 3 e 2 anos.

você pode gostar também