Take a fresh look at your lifestyle.

Silas Malafaia declara que ‘apoia 100% o presidente. Era uma festa de prefeito fechando Igreja’

-publicidade-

O pastor Silas Malafaia, líder da Assembleia de Deus, defendeu, em entrevista ao Estadão, a suspensão das medidas restritivas e benefício da manutenção da atividade econômica para não colapsar a economia do país e causar desempregos.

Para ele, “dentro de alguns meses, quando a crise causada pelo coronavírus passar e as pessoas tentarem voltar às suas rotinas, os governadores vão arcar com o custo político de medidas como o isolamento das pessoas e o fechamento de fábricas e lojas”.

“O decreto do presidente não está mandando abrir Igreja. Ele reconhece a atividade religiosa como essencial. Simples assim (…) O que estava acontecendo era uma festa de prefeito decretando fechar totalmente a Igreja. O presidente não está abrindo Igreja”, afirmou.
O religioso disse ainda:
“Para ser honesto eu não acho que as falas do presidente sejam sempre corretas. Digo as falas, não as posições. Acho até que a fala dele deve ser muito melhorada”. Por Gazeta Brasil

-publicidade-