Take a fresh look at your lifestyle.

Sinésio Campos anuncia que PT tem 628 candidaturas no Amazonas

-publicidade-

O deputado estadual Sinésio Campos (PT) e presidente do Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores no Amazonas (PT/AM, anunciou, neste domingo (06) que a sigla prossegue firme no trabalho para as escolhas de candidaturas do partido para disputa às prefeituras nos municípios e fortalecimento da base de vereadores no Amazonas.

Sinésio Campo enumerou que no momento são 628 candidaturas dos proporcionais (vereadores), sendo 420 homens e 208 mulheres.
Em Manaus tem 76 inscritos, mas o limite são 62 candidatos. O Presidente Sinésio Campos relatou que será feito a retirada de alguns, pois 14 terão que sair.

“No total, estamos lançando 11 candidatos a Prefeito, 3 Vices e 628 candidaturas proporcionais no pleito de 2020. Quem dizia que o PT iria se acabar, estava enganado. O partido continua forte e a sua estrela está em ascensão e mais brilhante do que nunca. E, vamos fazer a diferença nessa eleição.

O partido lança candidatos à reeleição nos municípios de; Urucurituba, São Gabriel da Cachoeira e Itacoatiara. E candidatos a prefeitos em; Amaturá, Tapauá, Manaus, Juruá, Manaquiri, Iranduba, Santa Isabel do Rio Negro e Borba. E Vice- prefeitos (as) em; Juruá, Nhamundá e Apuí.

O PT/AM também lança Vereadores (as) em; Nhamundá, São Gabriel da Cachoeira, Santa Isabel do Rio Negro, Manicoré, Humaitá, Apuí, Novo Aripuanã, Parintins, Barrerinha, Maués, Manaquiri, Novo Airão, Manacapuru, Iranduba, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Manaus, Barcelos, Tabatinga, Benjamin Constant, Santo Antônio do Iça, São Paulo de Olivença, Amaturá, Jutaí, Tefé, Juruá, Maraã, Uarini, Japurá, Silves, Urucará, São Sebastão do Uatumã, Anori, Beruri, Urucurituba, Pauini, Boca do Acre, Lábrea, Tapauá, Carauari, Envira e Guajará.

O presidente estadual também revelou que os diretórios Estadual e municipais trabalharam à avaliação de nomes para conquistar prefeituras e eleger uma bancada fortalecida de vereadores que atue para o resgate do legado que o PT construiu nos governos de Lula e Dilma. “Queremos o resgate dos programas habitacionais, dentre eles o Minha Casa Minha Vida, do Mais Médico e, sobretudo, o Luz para todos. Queremos que estes voltem a ser realidade em nosso estado e no Brasil, bem como a criação de novos que beneficie a população do Amazonas”.

Sinésio Campos também relatou a composição de alianças com partidos em municípios onde haja necessidade de aglutinar forças para disputar a eleição como em Parintins. No município, o PT firmou aliança com o Partido Socialista Brasileiro (PSB), Partido Social Cristão (PSC), em torno dos nomes do advogado presidente da OAB, secção de Parintins, Juscelino Manso (PSB); a pré-candidata a vice-prefeita, vereadora Nêga Alencar (PSC).

Apesar de o PT apostar em candidaturas próprias, Sinésio Campos afirma não se tratar somente de disputa para ganhar eleição e depois não apresentar propostas positivas à sociedade.

“Queremos ouvir os anseios da sociedade e também dos técnicos em cada setor da administração pública sobre o que deve servir ao bem-estar da sociedade. Os nossos mandatos, se assim o povo quiser, vai falar para a sociedade em geral e não somente a uma elite que está mal-acostumada ao poder”.

-publicidade-