Take a fresh look at your lifestyle.

SSP-AM realiza treinamento de prevenção e combate às drogas na zona Leste

-publicidade-

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) iniciou nesta segunda-feira (17) o curso de Extensão Universitária “Prevenção do Uso de Drogas e da Violência”, na Escola Municipal Leonor Uchoa, no bairro São José, zona Leste de Manaus. O treinamento, que acontece até sexta-feira (21), faz parte das ações do programa “Crack, é possível vencer”, e é coordenado pelo Programa de Redução da Violência e do Uso de Narcóticos e Entorpecentes (Previne).

Lançado no dia 04 de outubro em Manaus pela SSP-AM, o programa Crack, é possível vencer”, do Governo Federal, iniciou no bairro Jorge Teixeira, zona Leste, com diversas atividades dos três eixos de atuação: Autoridade, Prevenção e Cuidado, com o objetivo de combater o uso e tráfico de entorpecentes nas áreas com maiores incidências do crime.

De acordo com o coordenador do projeto “Crack, é Possível Vencer” pela SSP-AM, Divanilson Cavalcante, o curso tem o objetivo de formar multiplicadores para atuar na prevenção do uso indevido de drogas. “A equipe da SSP e do Previne preparou o curso com muita dedicação e empenho para que essa semana de treinamento capacite todos os participantes para auxiliar o programa, multiplicando esses conhecimentos e orientações para crianças, jovens e adultos”, disse.

Diversos temas serão abordados durante o curso, tais como: autoestima e motivação, importância da família na prevenção ao uso indevido de drogas, Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), drogas lícitas e ilícitas, Lei de Entorpecentes e seus reflexos na atividade policial e na sociedade em geral.

De acordo com a coordenadora do Previne, Ediméia Araújo, o curso irá capacitar cerca de 60 professores e coordenadores, atendendo assim 145 escolas da zona Leste ” Estamos trabalhando nessa capacitação para ampliar e fortalecer nosso alcance em jovens e adolescentes da zona Leste, somando parceiros e amigos para o combate e prevenção do uso e tráfico de drogas entre os adolescentes” disse.

O curso tem parceria com a Universidade Nilton Lins e é voltado para profissionais das áreas de educação, segurança, saúde, bem como lideranças comunitárias, religiosas e de esportes. Ao final, os participantes receberão certificados que os credenciarão a realizar orientações e palestras nas escolas e em suas comunidades para ampliar o acesso à informação sobre drogas e violência, contribuindo assim para diminuição dos indicadores criminais nessas áreas.

-publicidade-