SUFRAMA discute atração de empresas da Áustria

O estreitamento de laços empresariais entre a Zona Franca de Manaus (ZFM) e a Áustria foi abordado na visita feita à SUFRAMA pela ministra-conselheira chefe da missão adjunta da Embaixada da Áustria no Brasil, Isabella Tomás, acompanhada do cônsul honorário da Áustria no Amazonas, Ismael Bicharra. No encontro, realizado nesta segunda-feira (15), na sede da autarquia, técnicos da SUFRAMA explicaram aos diplomatas o funcionamento detalhado do mais bem-sucedido modelo de desenvolvimento regional do Brasil.

Outro tema debatido na reunião foi a criação de uma agenda conjunta visando à atração de empresas austríacas de alta tecnologia, sobretudo as especializadas em energia solar fotovoltaica que estão interessadas em fazer negócios na Amazônia. Conforme o superintendente da SUFRAMA, Appio Tolentino, a ideia é apresentar o modelo ZFM para investidores austríacos por meio de uma missão interinstitucional, em Viena, em 2019, liderada pela autarquia, e contando com participação de técnicos da Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam), governo do Estado e do Banco da Amazônia (Basa).

“Além de explicar o funcionamento e as vantagens comparativas da ZFM, as potencialidades de investimentos nas Áreas de Livre Comércio, com a Zona Franca Verde e a industrialização de produtos a partir da matéria-prima regional, queremos também retomar contato com representantes da Red Bull. A empresa austríaca de bebidas energéticas teve projeto aprovado para se instalar em Manaus, mas acabou não o concretizando. Quem sabe essa fábrica não sai num futuro próximo”, ressaltou Tolentino.

A diplomata austríaca destacou ainda a possibilidade de acordos bilaterais entre instituições de ciência e tecnologia para a realização de pesquisas sobre a biodiversidade e de parcerias para intercâmbios para projetos de turismo. “O maior acervo etnológico da Amazônia está na Áustria, com material coletado entre 1820 e 1840 por iniciativa da imperatriz Maria Leopoldina”, contou a diplomata.

Também participaram da reunião, pela autarquia, o superintendente Adjunto de Projetos, substituto, Luiz Flávio Simões; o coordenador-geral de Comércio Exterior, Ivan Zambrano; o economista da Coordenação-Geral de Estudos Econômicos e Empresariais, Patry Boscá; e o engenheiro da Coordenação-Geral de Análise de Projetos Industriais, Jânio Martins Bitar.

Texto: Enock Nascimento