Take a fresh look at your lifestyle.

Três acusados de matar cabo da PM durante assalto são presos

-publicidade-

Equipes das Polícias Civil e Militar prenderam, na manhã desta quinta-feira (19/03), por volta das 10h, Luiz Humberto Soares de Lima, 20 anos, e Rodrigo Marques dos Santos, 18, pela autoria do latrocínio do cabo da Polícia Militar do Amazonas (PMAM) Adeilson de Oliveira Pinheiro, ocorrido na madrugada desta quinta, na casa da vítima, na rua das Quarubas, antiga rua B7, loteamento Cidade do Leste, bairro Gilberto Mestrinho, zona leste da cidade. Um adolescente de 16 anos foi apreendido pela participação no delito. A vítima tinha 34 anos.

Conforme o delegado Rafael Costa e Silva, titular do 4º Distrito Integrado de Polícia (DIP), após a notícia do crime, as equipes policiais iniciaram diligências com o intuito de identificar e prender os autores do crime. Nesta manhã, às 8h30, policiais militares receberam informações que três indivíduos, que possivelmente seriam autores do delito, estariam em um bar, na avenida Itaúba, bairro Jorge Teixeira, zona leste da cidade.

“Guarnições da 14ª e 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) receberam uma denúncia anônima relatando que quatro indivíduos que estavam em um bar, na zona leste da cidade, eram autores do latrocínio do cabo da PMAM. No local, foi fechado o cerco e os policiais conseguiram realizar a detenção dos indivíduos e os conduziram para o 4º DIP”, explicou o tenente Estevão Barbosa, lotado na 30ª Cicom.

O delegado informou que no decorrer dos trabalhos, Luiz Humberto, Rodrigo e o adolescente confessaram a autoria do delito. Durante as oitivas, foi constatado que o quarto indivíduo não tinha participado do crime e, por esta razão, ele foi liberado. O titular do 4º DIP explicou que Luiz Humberto e Rodrigo, adentraram na casa vítima, enquanto o adolescente ficou pelo lado de fora do lugar em uma motocicleta, para dar fuga aos comparsas.

“Antes do crime que vitimou o cabo da PMAM, o trio estava ingerindo bebida alcoólica em um bar na zona leste, momento em que decidiram cometer roubos. Eles ainda chegaram a roubar o celular de uma mulher, no bairro Cidade de Deus, zona norte, quando resolveram adentrar em residências com fragilidade na segurança. Segundo os infratores, eles entraram na casa da vítima pela facilidade que encontraram”, declarou Costa e Silva.

A autoridade policial destacou, ainda, que as investigações em torno do caso irão continuar para averiguar, se de fato, não há a participação de outras pessoas no crime.

O crime – Na ocasião do delito, por volta das 4h20, o policial militar e a companheira dele estavam dormindo momento que foram surpreendidos por dois indivíduos, posteriormente identificados como Luiz Humberto e Rodrigo, perguntando onde tinha dinheiro. O cabo da PMAM, que era lotado na 4ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), reagiu à ação dos infratores e travou luta corporal com Rodrigo, momento que foi ferido por uma arma branca. Os golpes atingiram as costas e o pescoço da vítima.

Adeilson foi conduzido para o Hospital e Pronto-Socorro Doutor João Lúcio Pereira Machado, entretanto não resistiu ao ferimento e veio a óbito na unidade hospitalar.

Procedimentos – Luiz Humberto e Rodrigo serão autuados em flagrante por latrocínio. Ao término dos trâmites no 4º DIP, a dupla será levada para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde irão ficar à disposição da Justiça. Já o adolescente será conduzido à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), onde serão realizados os procedimentos cabíveis.

-publicidade-