Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Triptofano: Um grande aliado contra a depressão

Em artigo científico, PHD, neurocientista, biólogo e neuropsicólogo Fabiano de Abreu analisa o papel primordial do Triptofano para a saúde mental. Empresário Ricardo Maia comenta como o aminoácido pode ser encontrado em um produto natural que pode trazer uma série de benefícios.

Uma pequena aula de química e/ou biologia por aqui. Você sabia que existe um aminoácido que pode ajudar a combater a depressão? Para quem não conhece, este é o triptofano, alvo de pesquisa de cientistas e disponível para o público em geral por meio de um produto natural.

Quando se fala no triptofano, é preciso entender que ele ajuda a produzir no corpo a niacina. E este elemento é, conforme definem os especialistas, essencial para a criação do neurotransmissor serotonina. (Aquela que traz a famosa sensação de bem estar que a humanidade precisa tanto atualmente, reforça o PhD, neurocientista, biólogo e neuropsicólogo Fabiano de Abreu.

Porém, por mais que ele seja bom para a saúde, ele não é produzido pelo próprio organismo dos seres humanos. Por isso, para que ele possa fazer parte da rotina diária, ele precisa ser ingerido. Neste sentido, o CEO do Grupo Life Natural, Ricardo Maia, revela que sua empresa possui no catálogo o Triptolife, que é uma cápsula que atende a este objetivo. “Ele é utilizado para que o corpo consiga realizar a absorção adequada do aminoácido, considerando que não é totalmente absorvido quando ingerimos alimentos”, reforça.

Porém, é importante lembrar que o produto é contraindicado em casos de uso de medicamentos antidepressivos ou calmantes, “pois a combinação do medicamento com o suplemento pode causar problemas cardíacos, ansiedade, tremores e sonolência excessiva. Além disso, mulheres grávidas ou que amamentam também devem evitar o uso desse suplemento”, detalha Abreu.

Para quem deseja obter um bom resultado com o suplemento, Maia recomenda “a ingestão de 2 cápsulas por dia, preferencialmente antes das refeições, sendo recomendado uso por no mínimo 3 meses para um resultado surpreendente”.

Mas atenção: “Seu uso em excesso pode levar a efeitos colaterais como azia, dor de estômago, enjoos, vômitos, gases, diarreia, perda de apetite, tonturas, dores de cabeça, boca seca, fraqueza muscular e sonolência excessiva”, acrescenta o neurocientista.

Vale lembrar que a depressão é uma patologia comum e séria que afeta negativamente a maneira de como o indivíduo sente, pensa ou age, podendo ser tratada através de medicamentos. “Os sintomas são sentimentos de tristeza e/ou perda de interesse nas atividades que o indivíduo sentia prazer em realizar antes, diminuição da capacidade de se manter em atividades normais do dia a dia como trabalho e em casa. Devido ao fato de o triptofano influenciar no Sistema Nervoso Central e atuar no controle das emoções, concluindo assim que o consumo de triptofano gera melhora dos sintomas depressivos e até redução da ansiedade”, analisa Fabiano.

O neurocientista inclusive é autor de um artigo científico que destaca a importância do Triptofano no combate aos agentes que levam à depressão, além de fazer uma análise sobre o produto Triptolife. O texto pode ser acessado neste link publicado na revista científica Cpah Cientific Journal of Health do Centro de Pesquisas e Análises Heráclito.

Ao contrário de Ricardo Maia, o neurocientista Fabiano de Abreu já garante que 1 cápsula diária é o suficiente, membro da Federação Européia de Neurociências, o cientista se baseia no consumo limite recomendado pela União Européia de 300 mg deste suplemento diariamente.

Conheça a bula do suplemento com todas as informações passadas pelo empresário Ricardo Maia, CEO do fabricante Life Natural:

Frasco com 60 cápsulas de 215 mg cada

Conservar ao abrigo da luz, calor e umidade. Após aberto, conservar bem fechado e em local seco.

Não exceder a recomendação diária de consumo indicada na embalagem.

Manter fora do alcance de crianças

Ingredientes: L-TRIPTOFANO

Composição da cápsula: gelatina

Não contém Glúten

Recomendação de uso: ingerir 01 cápsula ao dia.

Produto indicado para o grupo populacional maior ou igual a 19 anos.

Este produto não é um medicamento.

Indicação: >= 19 anos.

Contra Indicação: Gestante/Lactantes/Crianças.

Contém: Gelatina e corantes.

Créditos – Foto: Divulgação / MF Press Global

-publicidade-