Turismo Pedagógico e Festival de Corais marcam encerramento da Semana do Turismo em Manaus

Encerrando a programação da Semana do Turismo 2018, quarenta alunos da Escola Municipal Dom Jackson Damasceno, do bairro Val Paraíso, farão o roteiro turístico pelo Centro Histórico de Manaus durante toda a manhã, com visita exclusiva ao Paço da Liberdade, que está fechado ao público por conta das obras de instalação do Museu da Cidade.

O passeio, intitulado Turismo Pedagógico, inclui ainda lanche e visitação aos principais pontos históricos da cidade.

Na sequência, às 19h, o Les Artistes Café Teatro será palco da apresentação de grupos que integram o Festival Amazonas de Corais (Famcor), coordenado pelo maestro Fabiano Cardoso. As apresentações musicais continuam ainda no sábado, 29/9, das 19h às 21h.

Visitação gratuita

No Dia Mundial do Turismo e Dia Municipal do Turismólogo, celebrado nesta quinta-feira, 27/9, o Les Artistes Café Teatro, situado no Centro Histórico da capital, foi palco do Workshop “Turismo de Fauna Silvestre: oportunidades e desafios”, evento que integra a programação da Semana do Turismo 2018. A visitação nos atrativos turísticos de Manaus como o Teatro Amazonas, o Zoológico do CIGS, o Museu do Índio e Bosque da Ciência foram gratuitas em alusão à data comemorativa.

Voltado à conscientização de um turismo responsável da fauna silvestre na Amazônia, o workshop contou com a parceria da organização mundial World Animal Protection, que trabalha com o objetivo levar a debate os impactos da exploração de animais silvestres no entretenimento turísticos.

João Almeida, gerente da WAP, falou sobre a busca da conscientização da indústria e de profissionais da área de turismo, ressaltando a possibilidade de oferecer experiências incríveis aos viajantes sem a exploração dos animais silvestres.

“A gente faz essa parceria hoje com a Manauscult no dia do Turismo com o objetivo de unir profissionais e especialistas da área de Turismo na causa do turismo responsável. Que tenham boas práticas com os animais silvestres, para que a gente possa transformar o turismo de Manaus, nos mais positivos com silvestres e consolidar Manaus como um destino responsável em termos de turismo com a natureza”, destacou João.

Entre os convidados participantes do encontro estava o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), que trouxe ao workshop o painel “Legislação Ambiental e o Turismo Responsável”. Cristina Isis Silva, representante do órgão, falou sobre o trabalho de fiscalização do Ibama.

“Para nós, é muito rico participar desse espaço que discute questões de conscientização, preservação, fiscalização da área turística e ambiental, e o Ibama trabalha a muito tempo nessa questão de fiscalização, tentando coibir esse uso irregular da fauna silvestre e temos trabalhado para mudar esse comportamento do uso nocivo, da fauna silvestre no estado do Amazonas”, disse Silva.

Foto: Ingrid Anne / Manauscult