Take a fresh look at your lifestyle.

TV Globo é acusada de pagar propina em esquema internacional de corrupção, acusa EUA

-publicidade-

O Departamento de Justiça dos EUA fez uma nova denúncia no Tribunal Federal de Nova York acusou de maneira nominal dirigentes de terem recebido dinheiro para votar na Rússia, como sede da Copa de 2018, e no Catar, para o Mundial de 2022. Uma das testemunhas levadas diante da corte, Alejandro Burzaco, afirmou que seis empresas pagaram propinas dentro do esquema, entre elas Televisa, Fox, MediaPro e a brasileira Tv Globo.

A emissora também foi citada em outro depoimento, desta vez do empresário Eladio Rodríguez. Ele mencionou a existência de um pagamento de US$ 1 milhão a um ex-executivo da empresa brasileira

O documento de 70 páginas aponta que o ex-vice-presidente da Fifa e antigo líder da Concacaf, Jack Warner, como tendo recebido US$ 5 milhões, para votar na Rússia, que desbancou as candidaturas conjuntas de Portugal e Espanha, e Bélgica e Holanda, além da apresentada pela Inglaterra.

Ricardo Teixeira é ainda citado em outros trechos. Ao se referir aos contratos de TV para a Copa América, a Justiça americana cita pagamentos para o brasileiro, além de dinheiro para José Maria Marin e Marco Polo Del Nero. Todos os três foram presidentes da CBF. Por Gazeta Brasil

-publicidade-